O ENIGMA DA GRANDE TRIBULAÇÃO

INTRODUÇÃO

Como Pré-Introdução a um Assunto dos mais desagradáveis, nada melhor do que uma Mensagem de Esperança, Fé e Humildade enquanto Jesus não Volta para Arrebatar os HUMILDES que O esperam:

Tapetinho_Vermelho

O ENIGMA DO PRINCÍPIO DAS DORES

A Ira de Deus sobre esta Humanidade Corrompida e Violenta, contextualiza com a Humanidade do Tempo de Noé ( Gênesis 6: 5 e 11 ) e as Profecias de Jesus ( Mateus 24: 37 a 44 ), logo, eu não tenho dúvidas, segundo o que já apresentei no meu Site, que a Volta de Jesus não passará desta Geração de Israel que começou em 1948 ( Isaías 66: 8 ), amplamente contextualizada, dando início à Grande Tribulação; Ver “O Enigma do Setenta”, no Site.

Na Profecia da destruição de Jerusalém que aconteceu no ano 70, um dos ALERTA de Jesus CONSISTIA na seguinte afirmação: “quando virdes a cidade cercada de Exércitos”, o que aconteceu pelos Romanos ( Lucas 21: 20 );

Na Profecia de Sua Volta o ALERTA de Jesus CONSISTE na afirmação de quando virdes a “Figueira” ( Israel ) renovada e em crescimento ( Mateus 24: 32 ), e todas as árvores ( Lucas 21: 29 e 30), contextualizada pela Profecia de 1ª Tessalonicenses 5: 1 a 3, referente a falsa Paz que a “Figueira” – Israel – firmará com as demais “Árvores” – Árabes;

A FIGUEIRA = Representa a Nação de Israel

Demais ÁRVORES = Representam as demais Nações, principalmente as Nações Árabes.

“Quem jamais ouviu tal coisa? Quem viu coisa semelhante? Pode acaso, nascer uma terra num só dia ? ou nasce uma nação de uma só vez ? Pois Sião, antes que lhe viessem as dores, deu à luz seus filhos” = Isaías 66: 8

O TEMPO PRESENTE EM RELAÇÃO AOS DIAS DE NOÉ

Gênesis 6: 5 e 11 :

6: 5 E viu o SENHOR que a maldade do homem se multiplicara sobre a terra e que toda a imaginação dos pensamentos de seu coração era só má continuamente.

6: 11 A terra, porém, estava corrompida diante da face de Deus; e encheu-se a terra de violência.

Mateus

24: 37 E, como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem.

Há necessidade de entrar em detalhes sobre os nossos dias, em relação ao que a Bíblia diz em relação aos dias de Noé ?

TEMPO DE NOÉ – para reflexão:

– Como eram os dias da época de NOÉ?

Havia poluição como hoje nos dias de Noé ? – Não!

Havia violência e corrupção do Gênero Humano ? – Sim!

– Jesus diz em Mateus 24: 37 a 44 que assim como foi nos dias de Noé, assim também será nos dias de Sua Volta, logo, não havia poluição e nem problemas como os que existem hoje em relação ao que está acontecendo com a Natureza;

Não resta dúvida que a poluição está influenciando o Clima na Terra, com conseqüências destruidoras;

O Problema que ocasionou a Intervenção Divina no Tempo de Noé foi a Violência e a Corrupção do Gênero Humano;

Diante do “decadente” quadro Mundial em relação à Violência e à situação Moral, Sensual, Sexual, Ética e Espiritual, não resta a menor dúvida que estamos vivendo como nos dias de Noé;

Consequentemente estamos num quadro irreversível tanto da Poluição da Natureza, como da Violência e Corrupção do Gênero Humano, logo, estamos vivendo e aproximando-nos do dia da Volta de Jesus, e da Intervenção Divina na Sua Obra Criada;

Não há dúvida que a poluição da Natureza é uma conseqüência da Corrupção que envolve os interesses e conveniências.

O MOMENTO PRESENTE

Como a Bíblia afirma que uma Geração é de 70 anos, podendo chegar a 80 anos ( Salmos 90: 10 ), logo, o ano de 2018 é uma importante referência; ( 1948 + 70 = 2018 )

Salmos 90: 10 – “Os dias da nossa vida sobem a setenta anos, ou, em havendo vigor, a oitenta: neste caso o melhor deles é canseira e enfado, porque tudo passa rapidamente, e nós voamos”

Nesse período esta incluído;

– O Princípio das Dores ( Marcos 13: 8 ) ( Mateus 24: 8 );

– O Arrebatamento da Igreja ( Mateus 24: 37 a 44 ) ( 1ª Tessalonicenses 5: 3 ) ( 1ª Coríntios 15: 52 ) ( Apocalipse 3: 11 e 12 );

– A Grande Tribulação ( Mateus 24: 21( Daniel 9: 27 ) Apocalipse 3: 10 ), sob o Governo do AntiCristo ( 2ª Tessalonicenses 2: 7 a 9 );

– A Batalha do Armagedom ( Jeremias 30: 4 a 9 ) ( Apocalipse 16: 16;

– O Trágico Desaparecimento de 2/3 da Humanidade ( Zacarias 13: 8 ) ( Jeremias 25: 29 a 33 );

– A Volta de Jesus com a Igreja Vitoriosa ( Mateus 24: 30 ) ( Zacarias13: 9 ) ( Zacarias 14: 9 ) ( Apocalipse 20: 1 a 7 ), após passar pelo Tribunal de Cristo ( 2ª Coríntios 5: 10 ), para dar início ao Reinado Milenial com o restante ( 1/3 ) da Humanidade purificada como se purifica a prata e provada como se prova o ouro ( Zacarias 13: 9 ) ( Zacarias 14: 9 );

Zacarias

13: 8 E acontecerá em toda a terra, diz o SENHOR, que as duas partes dela serão extirpadas, e expirarão; mas a terceira parte restará nela.

 

13: 9 E farei passar esta terceira parte pelo fogo, e a purificarei, como se purifica a prata, e a provarei, como se prova o ouro. Ela invocará o meu nome, e eu a ouvirei; direi: É meu povo; e ela dirá: O SENHOR é o meu Deus.

Zacarias

14:9 E o SENHOR será rei sobre toda a terra; naquele dia um será o SENHOR, e um será o seu nome.

Estas Profecias ainda não se cumpriram. É esperar para ver, ou estar preparado para partir

Diante do cumprimento das Proféticas “dores de parto” aumentando, não tenho dúvidas de que o Arrebatamento dos Escolhidos seja “breve”

“Quando andarem dizendo : Paz e segurança, eis que lhes sobrevirá repentina destruição, como vem a dor do parto à que está para dar à luz; e de nenhum modo escaparão” = 1ª Tessalonicenses 5: 3 .

O “Princípio das Dores” de “Parto”, segundo as palavras PROFÉTICAS estão cumprindo-SE literalmente e incontestavelmente, aumentando de ano para ano, sendo que o “clímax” será caracterizado pela “Luz” do Arrebatamento da Igreja, e, as “Trevas” pela Grande Tribulação ( Marcos 13: 8 ) ( Mateus 24: 8 ) :

Marcos

13: 8 Porque se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá terremotos em diversos lugares, e haverá fomes e tribulações. Estas coisas são os princípios das dores.

DORES DE PARTO

As Dores de Parto da mulher são sinais de que a Criança está próxima de nascer e à medida que se aproxima o dia e a hora as dores aumentam de intensidade;

Na Tipologia Bíblica as “dores de parto” simbolizam as tragédias que assolam o Planeta numa escalada a cada ano maior mostrando que se aproxima o dia e a hora do Arrebatamento – o nascer de uma nova vida – individualmente – para quem for arrebatado;

A Grande Tribulação é uma outra situação que acontecerá após o Arrebatamento.

PENSE NISSO :

Se a simples desobediência de MOISÉS, por bater na rocha ao invés de falar à rocha, lhe custou uma punição em não entrar na Terra Prometida, todos os que estiverem em desobediência, no ato do Arrebatamento, correm o risco de não serem arrebatados, por Jurisprudência, sem contudo perder a Salvação, mas entrar na Grande Tribulação, ( Números 20: 7 a 13 ) ( Deuteronômio 32: 48 a 52 ) ( Hebreus 4: 5 e 6 ) ( Hebreus 3: 13 ).

Jurisprudência = Se a Justiça dos Homens preocupa-se em estabelecer as Leis e a sua maneira correta de interpretá-las e aplicá-las, muito mais a Justiça Divina;

A Verdade nem sempre é agradável, porém pior é PREVARICAR para quem tem responsabilidade, compromisso e principalmente Ofício, diante de Deus e dos Homens.

Todos os acontecimentos referentes à Volta de Jesus passam primeiro pelo “Relógio de Deus”Israel – mas que envolve as demais Nações nos acontecimentos Proféticos.

Quero deixar claro que não estou expondo todo estes Estudos por simples passa tempo irresponsável, mas sim, porque tenho um Chamado, confirmado com palavras proféticas e sinais; Ver “O AUTOR”, no Site/Blog.

A GRANDE TRIBULAÇÃO

Em Seu Discurso no Monte das Oliveiras, respondendo às interrogações dos Discípulos, JESUS mencionou a vinda dum período de Tribulação sem paralelo em toda a história do Povo de Deus ( Israel) e que abrangeria o Mundo por completo ( Mateus 24: 21 a 22 )

24: 21 = Porque haverá então grande aflição (tribulação), como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem tampouco há de haver.

24: 22 = E, se aqueles dias não fossem abreviados, nenhuma carne se salvaria; mas por causa dos escolhidos serão abreviados aqueles dias.

“escolhidos” = neste exemplo – Jesus está se referindo aos fiéis cristãos remanescentes e os que se converterem durante a Grande Tribulação.

A PAZ E A REPENTINA DESTRUIÇÃO ( 1ª Tessalonicenses 5: 1 a 11 )

Pense Nisso:

“Quando andarem dizendo: Paz e segurança, eis que lhes sobrevirá repentina destruição, como vem a dor de parto à que está para dar à luz; e de nenhum modo escaparão” ( 1ª Tessalonicenses 5: 3 );

“num momento, num abrir e fechar de olhos, ao ressoar da última trombeta. A trombeta soará, os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados” ( 1ª Coríntios 15: 52 ).

A repentina destruição ( 1ª Tessalonicenses 5: 3 ) está contextualizada com o arrebatamento da Igreja, que se dará num abrir e fechar de olhos ( 1ª Coríntios 15: 52 );

Por que uma repentina destruição com o Arrebatamento ?

– Porque ocorrerá um repentino fenômeno de problemas e tragédias, ao mesmo tempo, em que pessoas na condução e controle de Elevadores, Carros, Aviões, Trens, Navios, Controladores de Vôo, e demais atividades, apenas como exemplos, poderão ser Arrebatadas;

O Cristão consciente que está orando e vigiando, quando tomar conhecimento de que Israel está CONCRETIZANDO negociações de Paz, com seus Inimigos, saberá que o Arrebatamento da Igreja, é questão de iminência – O final das dores de parto para os arrebatados.

À medida que a Geração de 1948 aproximar-se dos 70 (setenta) anos, e o processo de Paz em andamento gerar expectativas de solução, então, o Arrebatamento será questão de iminência.

Pense Nisso: A Coréia do Norte – o mais ferrenho opositor contra o Cristianismo – “destruiu” o seu beneficiador atômico, misteriosamente, num sinal de “Paz”

PROFECIAS NO VELHO TESTAMENTO SOBRE A GRANDE TRIBULAÇÃO

Jeremias 30: 4 a 9 = “ Tempo de angustia para Jacó”

30:7 = Ah! porque aquele dia é tão grande, que não houve outro semelhante; e é tempo de angústia para Jacó; ele, porém, será salvo dela.

JACÓ = simboliza profeticamente a Nação de Israel;

POR QUE O NOME “GRANDE TRIBULAÇÃO” ?

“Porque nesse tempo haverá grande tribulação, como desde o princípio do mundo até agora não tem havido e nem haverá jamais” – palavras de Jesus em Mateus 24: 21;

Para reflexão :

Se o Dilúvio fosse Global, sem dúvida Jesus não teria feito a afirmação acima, ISTO É, o Dilúvio foi “café pequeno”, em relação ao que será a Grande Tribulação; No meu Livro eu mostro que o Dilúvio foi Regional e não Mundial; ( Assuntos Polêmicos da Bíblia – agora disponível no Site/Blog )

Agora vou mostrar o porquê de ser uma Grande Tribulação, sem mencionar o que diz o Livro de Apocalipse, amplamente divulgado em publicações, em filmes, na televisão, etc.:

( Zacarias 13: 8 e 9 ).

13: 8 – “Em toda a terra, diz o Senhor, Dois Terços (2/3) dela serão eliminados, e perecerão; mas a terceira parte restará nela”

13: 9 – “Farei passar a terceira parte pelo fogo, e a purificarei, como se purifica a prata, e a provarei, como se prova o ouro; ela invocará o meu nome, e eu a ouvirei; direi: É meu povo, e ela dirá : O SENHOR É MEU DEUS.”

Uma corrente teológica entende que o texto de Zacarias 13: 8 e 9 referem-se apenas a ISRAEL, entretanto a contextualização com outras referências, conforme Isaías 24: 4, 6, 19 ; Daniel 12: 1 ; Jeremias 25: 30 a 33 ; Apocalipse 16 a 20, apenas como exemplos, mostram que se referem a todo o Planeta;

Esta Profecia ainda não se cumpriu. Vai cumprir-se na Grande Tribulação, nas palavras de Jesus em Mateus 24: 21.: “porque nesse tempo haverá Grande Tribulação, como desde o princípio do mundo até agora não tem havido e nem haverá jamais”

Em números atuais ( 2008 ) de uma população de aproximadamente 6 bilhões e 500 milhões de pessoas, sem considerar a incógnita quantidade de Arrebatados, seriam:

2 / 3 = 4 bilhões e 333 milhões

1 / 3 = 2 bilhões e 166 milhões

Os que ficarem para a Grande Tribulação terão muitos motivos para se lamentar;

Os que sobreviverem à Grande Tribulação e entrarem no Milênio, terão muitas histórias para contar.

ATENÇÃO: Como a população do Mundo cresce continuamente, os números serão continuamente bem maiores, quando do final da Grande Tribulação.

A Verdade nem sempre é agradável, porém pior é PREVARICAR para quem tem responsabilidade, compromisso e principalmente Ofício, diante de Deus e dos Homens- repito

A PERGUNTA QUE TODOS FAZEM :

– O que vai acontecer no Mundo, após o Arrebatamento e durante a Grande Tribulação para que 2/3 da Humanidade sejam eliminados (morram), conforme Zacarias 13: 8 e 9 ?

A resposta contextualizada está em que se trata de Juízo Divino Proféticos e Enigmáticos em :

– Isaías 24: 4, 6, 19

24:4 A terra pranteia e se murcha; o mundo enfraquece e se murcha; enfraquecem os mais altos do povo da terra.

24:6 Por isso a maldição tem consumido a terra; e os que habitam nela são desolados; por isso são queimados os moradores da terra, e poucos homens restam.

24:19 De todo está quebrantada a terra, de todo está rompida a terra, e de todo é movida a terra.

– Daniel 12: 1

12:1 E NAQUELE tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta a favor dos filhos do teu povo, e haverá um tempo de angústia, qual nunca houve, desde que houve nação até àquele tempo; mas naquele tempo livrar-se-á o teu povo, todo aquele que for achado escrito no livro.

– Jeremias 25; 30 a 33

25:30 = Tu, pois, lhes profetizarás todas estas palavras, e lhes dirás: O SENHOR desde o alto bramirá, e fará ouvir a sua voz desde a morada da sua santidade; terrivelmente bramirá contra a sua habitação, com grito de alegria, como dos que pisam as uvas, contra todos os moradores da terra.

25:31 = Chegará o estrondo até à extremidade da terra, porque o SENHOR tem contenda com as nações, entrará em juízo com toda a carne; os ímpios entregará à espada, diz o SENHOR.

25:32 = Assim diz o SENHOR dos Exércitos: Eis que o mal passa de nação para nação, e grande tormenta se levantará dos confins da terra.

25:33 = E serão os mortos do SENHOR, naquele dia, desde uma extremidade da terra até à outra; não serão pranteados, nem recolhidos, nem sepultados; mas serão por esterco sobre a face da terra.

Lucas 21: 25 e 26:

21:25 = E haverá sinais no sol e na lua e nas estrelas; e na terra angústia das nações, em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas.

21:26 = Homens desmaiando de terror, na expectação das coisas que sobrevirão ao mundo; porquanto as virtudes do céu serão abaladas.

– Apocalipse do Capítulo 16 ao Capítulo 20 – Por ser muito extenso deixo de transcrever

Eu acredito que o Criador Divino será o principal agente, como interventor, no Juízo e acontecimentos que redundará no desaparecimento de 2/3 da Humanidade;

Meu raciocínio tem por base a intervenção nos dias de NOÉ, conforme palavras de JESUS, ao afirmar que assim como foi nos dias de NOÉ, assim será – Mateus 24: 37 a 44;

No Dilúvio foi Deus quem interviu; Na Grande Tribulação não será diferente.

Precisa ficar entendido que não existe solução humana, para os problemas que afligem o Planeta, conforme estudos dos principais Centros Científicos e amplamente publicados e divulgados pelos meios de comunicação – Mídia, em função das conveniências dos interesses de cada Nação;

Estamos assistindo iniciativas hipócritas e demagógicas quando não, iniciativas paliativas por parte das Organizações Mundiais;

Diante do aumento constante da População e diante da FOME e ESCASSES de ÁGUA, além da Corrupção do gênero humano e escalada da violência ( Gênesis 6: 11 ), associado à POLUIÇÃO, e, antes que o Homem destrua a Obra da Criação, o Criador vai interferir, preservar e purificar 1/3 como se purifica a prata e provar como se prova o ouro, e, assumir Teologicamente e Teocraticamente o destino da Humanidade; ( Zacarias 13: 8 e 9 ) ( Zacarias 14: 9 )

Teologicamente = Ensinado por Deus = Governo ensinado por Deus sob a Onipotente direção do Mestre Jesus e Sua “Docente” Igreja “Galardoada” , composta de Ressuscitados e Arrebatados ( Isaías 11: 9 ) ( Apocalipse 20: 6 )

Teocraticamente = Governado por Deus = Governo de Deus sob o Reinado do Messias – Jesus Cristo – O Onipotente ( Isaías 11: 1 a 10 ) ( Zacarias 14: 9 ) ( Apocalipse 20: 1 a 6 );

QUANDO VAI COMEÇAR A GRANDE TRIBULAÇÃO ?

– Após o Arrebatamento da Igreja conforme as referências abaixo, por exemplos:

– Após o “Rapto da Igreja” – Arrebatamento – ( 1ª Tessalonicenses 5: 1 a 11 )

5: 4 = Mas vós, irmãos, já não estais em trevas, para que aquele dia vos surpreenda como um ladrão;

– Como um Raio ( Relâmpago) – ( Mateus 24: 27 ): “Porque assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até no ocidente, assim há de ser a vinda do Filho do homem” – começa então a Grande Tribulação.

– Num abrir e fechar de olhos – 1ª Coríntios 15: 52 )

PORQUE A GRANDE TRIBULAÇÃO SERÁ APÓS O ARREBATAMENTO ?

Nenhuma passagem Bíblica declara explicitamente que a Igreja passará pela Grande Tribulação.

Israel, sim, está identificado com a Grande Tribulação e bem como as Nações e os Cristãos não Arrebatados que formarão a Igreja Remanescente – Ver o Sub-Título ” As duas Testemunhas de Apocalipse 11″, no Site.( Jeremias 30: 4 a 9 ) ( Daniel 12: 1 ) ( Mateus 24: 15 a 21 )

Não existe uma afirmação literal na Bíblia que a Grande Tribulação vai começar após o Arrebatamento, mas sim, enigmática.

Como exemplo vou citar NOVAMENTE , pela sua importância, “Noé e o Dilúvio”, amplamente contextualizada no Artigo “O Profético e Enigmático Arrebatamento da Igreja” :

As palavras de Jesus em Mateus 24: 37 a 44, ao afirmar que assim como foi nos dias de NOÉ, assim também   será  na Sua Vinda, TEM O SEGUINTE DISCERNIMENTO :

1) NOÉ e sua família pré-figurava, simbolicamente, a Igreja de Cristo hoje;

2) NOÉ foi um Pregador da Justiça , da Salvação e do Juízo de Deus, no período antediluviano ( 1ª Pedro 2: 5 )

3) A Igreja de Cristo, hoje, é a responsável pela Pregação da Palavra de Deus para a Salvação do pecador, e Pregação de aviso do Juízo de DEUS para esta Humanidade decadente (corrompida e violenta), como foi nos dias de Noé.

4) A ARCA pré-figurava, simbolicamente, a figura de JESUS;

5) NOÉ e sua Família pré-figurava, profeticamente e simbolicamente, a Igreja de Cristo, hoje;

6) DEUS manda NOÉ e Família entrarem na Arca e diz que após 7 (sete) dias iria iniciar o Dilúvio (Gênesis 7: 1 a 4 ) – Misteriosamente, Noé e Família ficaram 7 (sete) dias ESPERANDO, dentro da Arca;

7) Os 7 (sete) dias pré-figurava, enigmaticamente e profeticamente, os 7(sete) anos da Igreja, no Tribunal de Cristo, no Céu ( 2ª Coríntios 5: 10 ) (1ª Coríntios 3: 10 a 17 ), única explicação teológica para que NOÉ e Família ficassem 7 (sete) dias dentro da Arca, ESPERANDO, enigmaticamente, o Dilúvio;

Precisa ficar entendido que os sete dias em que Noé e sua Família (IGREJA ) ficam na Arca (Jesus), pré-figura o tempo de 7 anos que A IGREJA estará com Cristo;

8) A Igreja vai ficar 7 (sete) anos esperando passar a Grande Tribulação, no Tribunal de Cristo, onde estará recebendo o Galardão (individualmente), para depois voltar com o REI JESUS, que implantará o Reino Milenial ( Apocalipses 20: 6 );

9) O Dilúvio pré-figura a Grande Tribulação que vai acontecer após o Arrebatamento;

O Dilúvio não foi Mundial e sim Regional. Se Deus abriu o Mar Vermelho (Êxodo 14: 22) e o Rio Jordão (Josué 3: 16) criando uma barragem invisível para conter as águas, também fez para conter as águas durante o Dilúvio, inundando apenas a região do Crescente Fértil e adjacências, preservando as áreas cujos povos não mereciam ser atingido, no restante do Mundo. Ver o Artigo “Adão e a Origem das Raças”, no Site/Blog.

10) A ordem de Deus para entrar na Arca simboliza a ordem de Deus para o Arrebatamento da Igreja, antes da Grande Tribulação, profeticamente; ( Gênesis 7: 1 ). Não tenho dúvida de que existe enorme expectativa, no CÉU, para o cumprimento dessa Ordem. “O Enigma do Setenta” mostra o porquê.

11) A Arca ( Jesus ) com Noé e Família ( a Igreja ) sai da terra e sobe (flutua) – como em sentido ao céu – sem ser atingida (prejudicada) pelo Dilúvio;

12) A ARCA ( Jesus ) com NOÉ e Família ( a Igreja ) voltam a pisar na terra ao terminar o Dilúvio ( A Grande Tribulação ) ( Gênesis 8: 18 );

13) Profeticamente e enigmaticamente fica evidente que as palavras de Jesus ao se referir a Noé mostra que a Igreja – Corpo de Cristo – será arrebatada para o Céu sem ser atingida pela Grande Tribulação e volta à Terra para Reinar com Cristo, no Milênio ( Apocalipses 20: 6)

Assim como nos dias de NOÉ, o Dilúvio aconteceu após NOÉ entrar na ARCA, assim também, a Grande Tribulação acontecerá, após a Igreja – Corpo de Cristo – entrar no Céu (Tribunal de Cristo – 2ª Coríntios 5: 10), discernindo as Palavras de Jesus, em Mateus 24: 37 a 44).

O Dilúvio apesar de durar 40 dias e 40 noites, pré-figura a Grande Tribulação, enigmaticamente, considerando as Palavras de JESUS de como foi nos dias de Noé, isto é, o Arrebatamento para Igreja ( Noé e Família) e a Grande Tribulação ( Dilúvio ) após o Arrebatamento.

PENSE NISSO:

Não é difícil imaginar como os habitantes da época de Noé sombaram da construção da ARCA, e principalmente pelo fato de Noé e sua família entrarem na ARCA e ficarem ESPERANDO os 7 dias passarem, no meio dos animais;

Certamente foram 7 dias de sombaria, piadas, gozação e manifestações de ridicularização;

Bem ! a partir do 7º dia…acabaram-se as sombarias que transformaram-se em arrependimento…tardio.

PARA REFLEXÃO:

ASSIM COMO FOI

TAMBÉM SERÁ

QUEM VIVER E FICAR

LAMENTAVELMENTE VERÁ.

Repetindo, não existe nenhuma referência literal na Bíblia de que a Grande Tribulação vai começar após o Arrebatamento, mas sim , de forma enigmática, como a grande maioria dos assuntos contidos na Palavra de Deus, conforme a referência em Números 12: 8. – onde Deus diz que fala por enigmas.

TROMBETA = Simbologia teológica de sentido celestial que representa humanamente o início, principalmente, de um acontecimento determinado por Deus.

A Trombeta de 1ª Coríntios 15: 52 tem a ver com a Trombeta de 1ª Tessalonicenses 4: 16 e 17. Trata-se de um acontecimento instantâneo – o Arrebatamento da Igreja;

O alarido não pode ser interpretado literalmente como algo de natureza física e sim espiritual ou celestial;

Os mortos ressuscitarão primeiro. Os Salvos em Cristo serão arrebatados, tudo de forma enigmática e transcendental, instantaneamente;

A 7ª Trombeta de 1ª Co 15: 52 foi uma citação do Apóstolo Paulo sobre uma fraseologia judaica dos Rabinos de que a Ressurreição dos mortos seria numa série de 7(sete) Trombetas, sendo que a 7ª seria a última, quando os mortos ressuscitariam;

Esta Trombeta não está relacionada com Juízo de Deus;

Paulo inspirou-se na última (7ª) , já que estava escrevendo para gentios e judeus;

É bom entender que Paulo NÃO diz que a Trombeta de 1ª Tessalonicenses 4: 16 e 17 é a 7ª, já que se trata da mesma de 1ª Coríntios 15: 52.

A Trombeta de Apocalipses 10: 7 e Apocalipses 11: 15 a 19 NÃO SÃO idênticas a Trombeta de 1ª Coríntios 15: 52;

A Trombeta de Apocalipse 10: 7 e Apocalipses11: 15 a 19 são sinais de Juízo de Deus sobre Israel ( – Jeremias 30: 4 a 9 = “ Tempo de angustia para Jacó”) e as Nações, e, representam UM PERÍODO DE TEMPO e não apenas um toque instantâneo, como é o caso da Trombeta de 1ª Coríntios 15: 52;

Este PERÍODO DE TEMPO está relacionado com os acontecimentos que são representados pela IRA DE DEUS, e estende-se até o Capitulo 20 do Apocalipse;

Teologicamente eu ouso dizer que a 1ª Ressurreição começou em Mateus 27: 52 e 53, vai continuar em 1ª Coríntios 15: 52 e terminará em Apocalipse 11: 11 e 12, confirmado em Apocalipse 20: 4 a 6)

QUANTO PRÓXIMO ESTÁ O ARREBATAMENTO ?

Esta resposta eu deixo por conta do DISCERNIMENTO de quem está acompanhando os diversos Artigos, como por exemplo “O ENIGMA DO SETENTA”, no meu Site:

http://www.assuntospolemicosdabiblia.com/artigos/o-enigma-do-setenta/

QUANTO TEMPO VAI DURAR A GRANDE TRIBULAÇÃO ?

A duração deste período é calculada pelo estudo da Passagem em Daniel 9: 24 a 27, onde o ANTICRISTO é mencionado, enigmaticamente e profeticamente;

Período ESSE de uma semana que teologicamente é de 7 (sete) anos, muito bem entendido nas publicações escatológicas de quem estuda o assunto de forma teológica em exegese e hermenêutica, contextualizada.

Daniel

9: 27 = E ele fará um pacto firme com muitos por uma semana; e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; e sobre a asa das abominações virá o assolador; e até a destruição determinada, a qual será derramada sobre o assolador.

Não existe nenhuma passagem Bíblica que afirma literalmente ser de 7 anos o período da Grande Tribulação, e sim, enigmaticamente e profeticamente, conforme mostra o Profeta Daniel no Capítulo 9: 24 a 27;

Todos os Teólogos interpretam que 1 (uma) Semana de dias quer dizer período de anos

Falta uma Semana para completar as 70 Semanas da Profecia de Daniel 9: 27 , isto é, 7 anos;

O Arrebatamento da Igreja de Cristo dará início a esta Semana Profética e Enigmática, de 7 anos – A Grande Tribulação.

A criação do Estado de Israel, em 1948 não deixa dúvidas de que estamos nesta geração em que se cumprirá a última Semana da Profecia;

O Enigma do Setenta está próximo de chegar ao seu Pleno esclarecimento pelo cumprimento da última Semana de Daniel.

O ESPÍRITO DO ANTICRISTO E A VOLTA DE JESUS

Os testemunhos de aversão, falta de fé, afastamento da Igreja, são evidências da ação do Espírito do AntiCristo que já opera de forma marcante e influente entre os que :

– Não estão interessados na Volta de Jesus, apesar de dizerem que são Cristãos;

– não estão interessados por estarem fascinados com os prazeres do Mundo Moderno,

– não têm propósito de Oração, Jejum, Santificação, Comunhão em Santa Ceia,

– não dão importância ao Culto de Adoração, MAS , lotam um “louvorsão”

– não aproveitam as oportunidades em participar de Evangelismo Pessoal e em Grupo, Etc…

– Não querem compromisso, mas apenas fazer parte…

– São opositores ferrenhos a todo e qualquer estudo sobre a Volta de Jesus, sem contudo apresentar refutações contextualizadas.

O Espírito do AntiCristo está presente em todas as manifestações Antibíblicas relacionadas com tudo que vemos à nossa volta e no Mundo, e, porque não dizer, nas Postagens Antibíblicas, na Internet ( 2ª Tessalonicenses 2: 7 ).

Toda essa ação envolvendo “Objetos Ungidos”, como hoje se vê largamente em Igrejas Cristães é uma preparação daquilo que o Anticristo fará durante a Grande Tribulação. Ver “O Joio dos Objetos Ungidos”, no Artigo “Desobediência Sistemática”, no Site/Blog.

PENSE NISSO :

Sem generalizar, as enigmáticas Palavras de JESUS em Lucas 18: 18 é a Prova evidente de que Ele está preste a Voltar :

Lucas 18: 18 – “ Quando vier o FILHO do homem, achará porventura FÉ na Terra ? “

O ESPÍRITO SANTO NA GRANDE TRIBULAÇÃO

Para entendermos a ação do Espírito Santo no Período da Grande Tribulação precisamos observar os seguintes textos da Palavra de Deus:

João 16: 7 e 8

16.7 Mas eu vos digo a verdade: convém-vos que eu vá, porque, se eu não for, o Consolador não virá para vós outros; se, porém, eu for, eu vo-lo enviarei.

16.8 Quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo:

João 14: 16

14.16 E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, a fim de que esteja para sempre convosco,

Atos dos Apóstolos

1.5 Porque João, na verdade, batizou com água, mas vós sereis batizados com o Espírito Santo, não muito depois destes dias.

Teologicamente, a Igreja como Corpo de Cristo teve início no dia de Pentecostes, quando da manifestação do Espírito Santo sobre os Membros participantes daquela reunião, marcando o início do Período da Graça para a Igreja de Cristto ( Atos 2: 1 a 13 );

Teologicamente, com o Arrebatamento da Igreja terminará o Período da Graça para a Igreja.

No Período da Graça está inserida a Salvação em Cristo Jesus, os Milagres, o Batismo com o Espírito Santo e o Arrebatamento da Igreja, bem como, os Dons individuais e Ministeriais.

Efésios

2.8   Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus;

Tudo indica que o Período da Graça  para a Igreja terminará com o Arrebatamento;

Durante a Grande Tribulação a Pregação da Palavra de Deus e da Salvação em Cristo Jesus, continuarão através da Igreja Remanescente, tendo a Bíblia como regra de fé e de prática, porém sob terrível perseguição;

O Período da Grande Tribulação será um Período de Trevas em que haverá Salvação, porém sob sacrifício, lágrimas, dores e martírio, conforme Apocalipse 20: 1 a 6;

Tudo indica que durante a Grande Tribulação não haverá Batismo com o Espírito Santo, nem milagres…

Na Grande Tribulação o Anticristo terá permissão para agir livremente, promovendo a operação do erro com sinais, milagres e prodígios do engano e da injustiça; Toda esta ação envolvendo o “joio dos objetos ungidos”, como hoje largamente se vê, é uma preparação pelo espírito do ANTICRISTO, e que será um dos seus instrumentos de engano e mentira. Ver “Desobediência Sistemática”, no Site/Blog.

A Promessa do Espírito Santo é permanente conforme o texto e não deixa dúvidas de que estará presente na Grande Tribulação, porém afastado como veremos na sequência.

João 15: 26

15.26 Quando, porém, vier o Consolador, que eu vos enviarei da parte do Pai, o Espírito da verdade, que dele procede, esse dará testemunho de mim;

PENSE NISSO

O Espírito Santo é a Pessoa da Trindade que possui o Atributo da Onipresença, logo, não poderá deixar de estar presente durante a Grande Tribulação.

Desta forma não há duvidas de que o Espírito Santo estará presente na Grande Tribulação;

Para entendermos a presença do Espírito Santo durante a Grande Tribulação temos que discernir a seguinte contextualização:

2 Tessalonicenses

2.6 E, agora, sabeis o que o detém, para que ele seja revelado somente em ocasião própria.

2.7 Com efeito, o mistério da iniqüidade já opera e aguarda somente que seja afastado aquele que agora o detém;

O quê é que o detém ?

O quê o detém é o Poder que emana da ação do Espírito Santo sobre o Mundo através do favor imerecido – GRAÇA, que tem o Corpo de Cristo – A IGREJA, como fator de impedimento e instrumento dessa ação de Graça;

Com o Arrebatamento da Igreja cessa o impedimento

2.8 então, será, de fato, revelado o iníquo, a quem o Senhor Jesus matará com o sopro de sua boca e o destruirá pela manifestação de sua vinda.

2.9 Ora, o aparecimento do iníquo é segundo a eficácia de Satanás, com todo poder, e sinais, e prodígios da mentira,

2.10 e com todo engano de injustiça aos que perecem, porque não acolheram o amor da verdade para serem salvos.

“e aguarda somente que seja afastado aquele que agora o detém” = Não deixam dúvidas que quem detém o ANTICRISTO é o Espírito Santo;

O Espírito Santo durante a Grande Tribulação estará presente, porém afastado de Sua Ação em convencer o Homem do Pecado, da Justiça e do Juízo;

GRAÇA = é favor imerecido, isto é, a Salvação em Cristo Jesus é pela Graça;

Sem a Graça durante a Grande Tribulação não haverá Salvação em Cristo Jesus como favor imerecido, isto é, não haverá favor imerecido;

Precisa ficar entendido que não haverá a ação do Espírito Santo agindo no coração do Homem para convencê-lo do Pecado, da Justiça e do Juízo, porém, estará presente no Mundo, mas afastado de Sua principal função, para que o ESPÍRITO DO ENGANO E DA MENTIRA possa atuar;

Para haver Salvação durante a Grande Tribulação somente pelo mérito da Fidelidade à Palavra de Deus; A Palavra de Deus é Jesus ( Apocalipse 19: 13 ).

A Igreja Remanescente terá que sobreviver pela Fidelidade à Palavra de Deus;

A citação dos mártires em Apocalipse 20: 4 contextualizam com a afirmação de que a Salvação será pela Fidelidade e não pela Graça;

Apocalipse

20.4 Vi também tronos, e nestes sentaram-se aqueles aos quais foi dada autoridade de julgar. Vi ainda as almas dos decapitados por causa do testemunho de Jesus, bem como por causa da Palavra de Deus, tantos quantos não adoraram a besta, nem tampouco a sua imagem, e não receberam a marca na fronte e na mão; e viveram e reinaram com Cristo durante mil anos.

“Palavra de Deus “ = Jesus

“Besta” = Satanás

“Imagem” =” Objetos ungidos”, por exemplo

“Marca na fronte e na mão” = Bio-Chip, do conhecimento geral e usado  atualmente para inibir seqüestro entre outras utilizações, mas que na Grande Tribulação será instrumento de controle total.

CONCLUSÃO:

Precisa ficar entendido que Deus não quer pegar ninguém de surpresa como um SÁDICO, por isso em todos os JUÍZOS Ele procurou avisar – no Dilúvio, Sodoma e Gomorra e nas duas destruições de Jerusalém em 586 AC e 70 DC – e, como está avisando ultimamente;

No meu discernimento o Arrebatamento da Igreja será antes da Grande Tribulação e não no meio e nem depois. Trata-se de discernimento e não de texto literal.

Correm o risco de não serem arrebatados todos os que crêem no Arrebatamento, mas erradamente, não o esperam antes do início da Grande Tribulação. Não confundir com Salvação.

Como exemplo vou citar NOVAMENTE a IGREJA de FILADÉLFIA, de Apocalipse 3: 10, amplamente contextualizada no Artigo “O Profético e Enigmático Arrebatamento da Igreja” :

Ela representa, simbolicamente, os Salvos que não passarão pelo Juízo de Deus, como podemos contextualizar:

Apocalipse

3: 10 Como guardaste a palavra da minha paciência, também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra.

Podemos discernir que se trata de uma Igreja Profética e Enigmática, e que aponta para os nossos dias;

A Igreja de Filadélfia, profeticamente, e simbolicamente, representa, entre as 7 (sete) Igrejas Apocalípticas, a Igreja que será Arrebatada, isto é, “como guardaste a minha Palavra e não negaste o meu nome”( Apocalipse3: 8 ), e mais, “como guardaste a Palavra da minha paciência, também te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo” (Apocalipse 3: 10 );

Desta forma, podemos entender, pelas palavras de Jesus em Mateus 24: 37 a 44, que o Arrebatamento será de pessoas que congregam formando o Corpo de Cristo, em Religião, e não de Instituição Religiosa;

RELIGIÃO = do Latim “RELIGARE” = RELIGAR = ATAR = RELIGADO COM DEUS.

CORPO DE CRISTO = Pessoas que têm o seu nome escrito no LIVRO da VIDA do CORDEIRO ( Lucas 10: 20 ) ( Apocalipse 20: 15 ) ( Apocalipse 21: 27 )

O Arrebatamento será para os que guardam a Palavra da Verdade;

Será dos que compõem o verdadeiro Corpo de Cristo, segundo a Onisciência de Deus;

O momento requer uma profunda reflexão por àqueles que estão à frente de um “Rebanho”;

O “Rebanho” precisa conhecer, entender e discernir a Palavra de Deus para não ser levado por “ventos de doutrinas”

Não haverá “SEGUNDA CHAMADA” !!!

CONCLUSÃO FINAL :

Estamos vivendo uma Global pressão sensual, erótica e pornográfica em escala cada vez mais envolvente, em todos os meios de comunicação, gerando, principalmente, nos mais jovens, uma propensão ao sexo, com consequências prejudiciais na gestação precoce, doenças, estupros, violência e conseqüente decadência do Gênero Humano, e, distanciamento de DEUS;

De acordo com Zacarias 13: 8 e 9, dois terços ( 2/3 ) da Humanidade vão desaparecer tragicamente e um terço ( 1/3 ) será purificado como se purifica a prata, e provado como se prova o ouro;

Toda esta Profecia, ao que tudo indica, cumprir-se-á num período de 7 (sete) anos ( Daniel 9: 24 a 27 );

Quando começar tamanha destruição, além de catastrófica e assustadora, mas que profeticamente vai se cumprir, causará completa desorganização dentro das Nações e entre as Nações, quando então surgirá o Líder Mundial que tomará o controle geral do Mundo, por um curto Período;

O Líder Mundial desse período usará o Chip já amplamente em uso e o Bio-Chip do conhecimento geral, além de poderes sobrenaturais da mentira e da malignidade; Ver o Artigo “O SINAL DA BESTA”, no Site/Blog.

Diante das circunstâncias em andamento no Mundo, caracterizado pelos acontecimentos proféticos cumprindo-se, a última profética semana de 7 anos do Profeta Daniel vai acontecer muito em breve;

Diante do constante aumento da População Mundial, quanto mais o tempo passar, mais dolorosa será a Grande Tribulação

Precisa ficar entendido que Zacarias 13: 8 e 9 ainda não se cumpriram e certamente estão inseridas na afirmação de Jesus sobre o fato de que a Grande Tribulação será um acontecimento que nunca houve e nem haverá jamais ( Mateus 24: 21 ), logo, para a morte trágica de 2/3 da Humanidade, CONTEXTUALIZA com a Grande Tribulação a ser motivo de acontecer ainda;

As Duas Testemunhas de Apocalipse 11, isto é, a Bíblia e a Igreja Remanescente, são motivos de Artigo, no Site, e que contextualizam com a Grande Tribulação:

http://www.assuntospolemicosdabiblia.com/artigos/as-duas-testemunhas-de-apocalipse-11-parte-1/

O Reino de Deus é tomado por esforço, e os que se esforçam se apoderam DELE ( Lucas 16: 16 ).

Assim como a Palavra de Deus afirma que nunca houve e nem haverá jamais uma Tribulação sobre a Humanidade, como a Profetizada por Jesus em Mateus 24: 21, assim também, nunca houve e nem haverá jamais pranto semelhante, de arrependimento, para os que ficarem para a Grande Tribulação.

“Haverá homens que desmaiarão de terror pela expectativa das coisas que sobrevirão ao mundo, pois os poderes dos céus serão abalados” = Lucas 21: 26. – Grande Tribulação !!!

PENSE NISSO:

INDIFERENÇA E INGRATIDÃO

Sobre este Assunto acessar a Seção “O AUTOR”, no Site.

……………………………………………. X ……………………………………….

“Este Artigo é de inspiração posterior à Publicação do Livro anunciado”

Os Artigos do Site complementam assuntos do Livro.

Na hipótese de ser importante, SUGIRO A INDICAÇÃO do Artigo e o SITE.

Próximos Assuntos a serem incluídos no Site, paulatinamente:

– O ENIGMA DO REINO

– O PROFÉTICO REINO MILENIAL

– Etc

4 comentários para O ENIGMA DA GRANDE TRIBULAÇÃO

  • debora  disse:

    gostaria de uma resposta por favor,
    quero todos os versiculos onde afirma que a volta de cristo se dara em duas fases// por favor!!
    me mandem por email,
    deborasom1@hotmail.com

    • Onir Francisco Damas  disse:

      Prezada Débora

      Este Assunto sobre a Volta de Jesus é da maior importância, considerando que na Primeira Volta Ele estará Oculto e não pisará o solo da Terra; o Objetivo da Primeira Volta será para o Arrebatamento dos Salvos com o Nome no Livro da Vida, e que estejam Vigiando naquele momento;

      Você pede as referências Bíblicas para esse Evento AS QUAIS relaciono a seguir, entre outras que já constam do Artigo, no Site:

      A PRIMEIRA VOLTA

      1 Tessalonicenses

      4.17 depois, nós, os vivos, os que ficarmos, seremos arrebatados juntamente com eles, entre nuvens, para o encontro do Senhor nos ares, e, assim, estaremos para sempre com o Senhor.

      1 Coríntios

      15.52 num momento, num abrir e fechar de olhos, ao ressoar da última trombeta. A trombeta soará, os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados.

      Filipenses

      3.21 o qual transformará o nosso corpo de humilhação, para ser igual ao corpo da sua glória, segundo a eficácia do poder que ele tem de até subordinar a si todas as coisas.

      Apocalipse

      3.10 Porque guardaste a palavra da minha perseverança, também eu te guardarei da hora da provação que há de vir sobre o mundo inteiro, para experimentar os que habitam sobre a terra.

      1 Tessalonicenses

      1.10 e para aguardardes dos céus o seu Filho, a quem ele ressuscitou dentre os mortos, Jesus, que nos livra da ira vindoura.

      Preste Atenção que a ênfase das referências são de livramento da Ira de Deus, logo, essa Ira se refere a Grande Tribulação.

      A SEGUNDA VOLTA

      Porém na Segunda Volta Ele virá para Socorrer a Nação de Israel, Implantar o Reino Milenial e fazer a purificação da Terra para que seja Criado o Novo Céu e a Nova Terra, a partir de tudo o que já existe, corroborando com a Lei de Lavoisier:

      “Na Natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma”

      Apocalipse

      19.15 Sai da sua boca uma espada afiada, para com ela ferir as nações; e ele mesmo as regerá com cetro de ferro e, pessoalmente, pisa o lagar do vinho do furor da ira do Deus Todo-Poderoso.

      19.16 Tem no seu manto e na sua coxa um nome inscrito: REI DOS REIS E SENHOR DOS SENHORES.

      Mateus

      25.31 Quando vier o Filho do Homem na sua majestade e todos os anjos com ele, então, se assentará no trono da sua glória;

      Zacarias

      14.3 Então, sairá o SENHOR e pelejará contra essas nações, como pelejou no dia da batalha.

      14.4 Naquele dia, estarão os seus pés sobre o monte das Oliveiras, que está defronte de Jerusalém para o oriente; o monte das Oliveiras será fendido pelo meio, para o oriente e para o ocidente, e haverá um vale muito grande; metade do monte se apartará para o norte, e a outra metade, para o sul.

      Apocalipse

      1.7 Eis que vem com as nuvens, e todo olho o verá, até quantos o traspassaram. E todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele. Certamente. Amém!

      Apocalipse

      19.15 Sai da sua boca uma espada afiada, para com ela ferir as nações; e ele mesmo as regerá com cetro de ferro e, pessoalmente, pisa o lagar do vinho do furor da ira do Deus Todo-Poderoso.

      19.16 Tem no seu manto e na sua coxa um nome inscrito: REI DOS REIS E SENHOR DOS SENHORES.

      19.17 Então, vi um anjo posto em pé no sol, e clamou com grande voz, falando a todas as aves que voam pelo meio do céu: Vinde, reuni-vos para a grande ceia de Deus,

      19.18 para que comais carnes de reis, carnes de comandantes, carnes de poderosos, carnes de cavalos e seus cavaleiros, carnes de todos, quer livres, quer escravos, tanto pequenos como grandes.

      19.19 E vi a besta e os reis da terra, com os seus exércitos, congregados para pelejarem contra aquele que estava montado no cavalo e contra o seu exército.

      19.20 Mas a besta foi aprisionada, e com ela o falso profeta que, com os sinais feitos diante dela, seduziu aqueles que receberam a marca da besta e eram os adoradores da sua imagem. Os dois foram lançados vivos dentro do lago de fogo que arde com enxofre.

      19.21 Os restantes foram mortos com a espada que saía da boca daquele que estava montado no cavalo. E todas as aves se fartaram das suas carnes.

      Judas

      1.14 Quanto a estes foi que também profetizou Enoque, o sétimo depois de Adão, dizendo: Eis que veio o Senhor entre suas santas miríades.

      Preste Atenção que a ênfase das referências está focada na intervenção pessoal de Jesus em favor da Nação de Israel, durante a Grande Tribulação;

      Sugiro uma análise das referências de tal maneira que entenderá haver duas situações distintas em relação à Volta de Jesus;

      Com as explicações postadas, mais os dois Artigos sobre o Arrebatamento e a Grande Tribulação, e o Livro, espero ter atendido suas expectativas;

      Fique na Paz de Jesus.

      Onir

  • Bruno  disse:

    Olá, volto a escrever no seu blog sobre um dos assuntos que mais consome meu tempo de estudo na bíblia, a volta de Jesus. Estamos chegando ao final de mais um ano, ano este que era para ser, segundo “profecias, o mais terrível de todos. Porém se comparado aos anos anteriores, 2012 esta relativamente calmo. Até parece que chegará ao fim sem ninguém notar que o ano acabou. Gostaria de saber se você tem se debruçado a estudar sobre a volta de Jesus nestes últimos dias e se identificou neste ano algum sinal relevante que indique que estamos na eminência do arrebatamento. Eu tenho uma opinião de por onde as coisa começaram a acontecer, sinalizando a volta de Jesus, conforme escritas em apocalipse 13 e 17. É aguardar e vigiar. Deus abençoe.

    • Onir Francisco Damas  disse:

      Prezado Bruno

      Quanto ao ano de 2012 eu não vejo nunhum Sinal de Deus, pois, já expliquei que a partir de 2011 começou a contagem regressiva para a Volta de Jesus;

      Deus já mostrou evidências nesses últimos 10 anos de que Jesus está para cumprir Sua Promessa de Arrebatar os Servos com o Nome no Livro da Vida;

      Os nossos pensamentos não são os Pensamentos de Deus;

      Creio que Deus está protelando o Arrebatamento em face do Clamor dos Justos em favor de seus familiares;

      Quanto tempo a Justiça de Deus vai esperar é o grande Mistério;

      Fique na Paz de Jesus.

      Onir

Comente

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>