O ENIGMA DA TRINDADE

[João 13: 3] [Mateus 28: 19] [1ª João 5: 7 e 8]

João

13.3   sabendo este que o Pai tudo confiara às suas mãos, e que ele viera de Deus, e voltava para Deus,

Onde se situa o PAI no contexto de Deus, e Ele – Jesus – que viera de Deus e voltava para Deus? Esta resposta está contextualizada no desenvolvimento deste Artigo.

Mateus

28.19   Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;

1ª João

5.7   Pois há três que dão testemunho [no céu: o Pai, a Palavra e o Espírito Santo; e estes três são um.

5.8   E três são os que testificam na terra]: o Espírito, a água e o sangue, e os três são unânimes num só propósito.

Segundo estudiosos da Bíblia o texto entre colchetes acima trata-se de uma inclusão e não consta do texto original, entretanto Deus não deixa de ser Trino por causa disso, como veremos no desenvolvimento do Artigo.

 

INTRODUÇÃO

Diante de perguntas e polêmicas senti-me na obrigação de ousar mais uma vez em abordar o mais Enigmático dos Assuntos Polêmicos da Bíblia – A TRINDADE DE DEUS.

Um dos argumentos de refutação sobre a Trindade de Deus está no fato dos Discípulos ao prosseguirem com o Ministério da Igreja como Corpo de Cristo, praticar o BATISMO em nome de Jesus;

Deus não deixa de ser Trino porque os discípulos batizavam em nome de Jesus, quando na verdade Jesus afirma: Eu e o Pai  somos Um ( João 10: 30 );

Por que Jesus não cita o Espírito Santo, apenas Ele e o Pai como Um?

Porque Jesus estava revestido do Espírito Santo. Isto veremos também no desenvolvimento do presente Artigo;

A Trindade de Deus é um Enigma. Este Enigma está patente e refletido na Obra da Criação, como veremos bem mais adiante;

A Teologia é a Ciência dos Enigmas de Deus.

A Bíblia é o Livro Teológico que contém toda a verdade, porém encoberta por Enigmas e revelados no devido tempo, por Deus.

NÚMEROS 12: 8 – “boca a boca falo com ele claramente, e não por enigmas; pois ele vê a forma do Senhor: como, pois, não temeste falar contra o meu servo, contra Moisés”

“forma do Senhor” = preste atenção  nisso no desenvolvimento deste Artigo.

Por que Deus fala por Enigma ?

Porque o Reino de Deus é tomado por esforço e os que se esforçam se apoderam DELE ( Lucas 16: 16 )

O Enigmático Texto Bíblico que Deus deixou para entendermos sobre Sua “Natureza” Trina está em Gênesis 1: 26:

Gênesis

1.26   Também disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; tenha ele domínio sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus, sobre os animais domésticos, sobre toda a terra e sobre todos os répteis que rastejam pela terra.

Desta forma deixo para o Leitor pensar o seguinte:

Deus é Onisciente =          o homem é possuidor de grande e indiscutível inteligência;

Deus é Onipotente =          o homem é capaz de realizar façanhas  poderosas através das mãos;

Deus é Onipresente =         O homem através das pernas e pés      caracteriza sua presença dentro e fora do Planeta.

Em outras palavras, existe uma característica no homem, em relação a Deus, de saber, poder e estar presente, pessoal, tecnológica, áudio e visual. Exemplo: Telefonia, telecomunicações, Internet, etc, CONSIDERANDO o saber, poder e estar presente.

Tudo indica que Deus tem a “forma” de um SER HUMANO em imagem e semelhança, com o primeiro Homem criado no Jardim do Éden:

DEUS =  Pai – Filho – Espírito Santo

HOMEM = Espírito – Corpo – Alma

Pai =  É o Espírito (João 4: 24)

Filho (Jesus) =  É o Corpo que dá forma e originou o mundo material ( Universo ) (João 1: 1 a 14 )

Espírito Santo = Alma do Senhor = Levítico 26: 30 – Tem a função que caracteriza a Alma humana ( dá gemidos inexprimíveis ) (Romanos 8: 26 e 27)

Levítico

26.30 Destruirei os vossos altos, e desfarei as vossas imagens do sol, e lançarei o vosso cadáver sobre o cadáver dos vossos deuses; a minha alma se aborrecerá de vós.

Por um processo misterioso e extraordinário que a nossa mente humana não pode alcançar, o Deus Trino se originou de “substâncias perfeitas trinas” num tempo ou espaço de tempo na Eternidade.

O PERFEITO BUSCA A PERFEIÇÃO PARA SE COMPLETAR NUMA FORMA DE ATRAÇÃO ENIGMÁTICA TRANSCENDENTAL ESPIRITUAL, COMO “EXPLICAÇÃO”  PARA A TRINDADE  DE DEUS ( João 8: 32 ) ( 1ª Tessalonicenses 4: 17 ).

Ver o Tópico “A ORIGEM DE DEUS – Uma Reflexão”, no Livro, no Site.

“Vós sois as minhas testemunhas, do Senhor, e o meu servo, a quem escolhi; para que o saibais, e me creiais e entendais que eu sou o mesmo; antes de mim Deus nenhum se formou, e depois de mim nenhum haverá.” (Isaías 43: 10 );

PRESTE ATENÇÃO:  O Texto afirma que Deus se formou.

“antes de mim Deus nenhum se formou” = Deus está dizendo que Ele é auto-existente.

“e depois de mim nenhum haverá.” = Todas as “substâncias” Perfeitas, Eternas, Transcendentais estão em Deus;

Isaías 43: 10 afirma que nenhum OUTRO  deus se formou, numa forma enigmática de dizer que somente DEUS se formou, isto é, DEUS é auto-existente, como afirma em Êxodo 3: 14 :

“Disse Deus a Moisés : Eu Sou o que Sou. Disse mais : Assim dirás aos filhos de Israel : Eu Sou me enviou a vós outros”. ( Êxodo 3: 14 );

ENIGMATICAMENTE, para contextualizar, Apocalipse diz que Deus é o Princípio em Apocalipse 1: 8 ; 21: 6 ; 22: 13.

Diz TAMBÉM que Deus é o Primeiro em Apocalipse 1: 17 ; Isaías 44: 6 ; 48: 12;

TEXTO ENIGMÁTICO SOBRE O PRINCÍPIO DE DEUS

Apocalipse

1.8   Eu sou o Alfa e Ômega, diz o Senhor Deus, aquele que é, que era e que há de vir, o Todo-Poderoso.

Apocalipse

21.6   Disse-me ainda: Tudo está feito. Eu sou o Alfa e o Ômega, o Princípio e o Fim. Eu, a quem tem sede, darei de graça da fonte da água da vida.

 

Apocalipse

22.13   Eu sou o Alfa e o Ômega, o Primeiro e o Último, o Princípio e o Fim.

TEXTO ENIGMÁTICO SOBRE DEUS SER O PRIMEIRO

Apocalipse

1.17   Quando o vi, caí a seus pés como morto. Porém ele pôs sobre mim a mão direita, dizendo: Não temas; eu sou o primeiro e o último

Isaías

44.6   Assim diz o SENHOR, Rei de Israel, seu Redentor, o SENHOR dos Exércitos: Eu sou o primeiro e eu sou o último, e além de mim não há Deus.

Isaías

48.12   Dá-me ouvidos, ó Jacó, e tu, ó Israel, a quem chamei; eu sou o mesmo, sou o primeiro e também o último.

“o último” = forma enigmática de dizer que é o primeiro e único.

O PLANO ETERNO “CRIADOR” que deu Origem a DEUS não está ao alcance do entendimento finito do Homem.

Deus é Único e não existe outro igual (Deuteronômio 32: 39).

Todas as “substâncias” Perfeitas que existem na Eternidade deram origem a Deus.

“substâncias” = Tanto as matérias que conhecemos, como as Espirituais que não conhecemos.

Não existe possibilidade de outro Deus por não existir mais outras substâncias, por isso a expressão “o primeiro e o último”. Todas estão em Deus. Elementos e substâncias Puras, Santas, Perfeitas, Espirituais, por comparação, conforme conhecemos através da tabela periódica de elementos químicos, para as que conhecemos;

A Tabela Periódica de Elementos Químicos representa todas as substâncias conhecidas pelo Homem no Universo; Bem entendido: que emanaram dEle, por Ele e para Ele (Romanos 11: 36 ).

 

RELAÇÃO ENTRE DEUS E O HOMEM

Tomando como referência o princípio da “atração” que afirma João 8: 32 e 1ª Tessalonicenses 4: 17, assim também, foi que os elementos Perfeitos que existiam no Plano Espiritual Eterno se juntaram, de maneira transcendental, para Formar o Deus Eterno, Trino e Único ( Isaías 43: 10 ); O Perfeito busca a Perfeição para se completar.

Deus tem espiritualmente a forma do Homem que Ele criou em Imagem e conforme a Sua Semelhança. A diferença está que Deus é Perfeito de um “PLANO ADIMENSIONAL”que nós não podemos entender.

Por isso Ele aos nossos olhos não pode ser contemplado, por causa do Esplendor de Santidade e Poder.

Quem ver a face de Deus não pode continuar vivo (Êxodo 33: 20), entretanto, antes de pecarem, Adão e Eva, pela Santidade, não tinham esse impedimento, no Éden. (Ezequiel 1: 26 a 28).

Por que Jesus tomou o pão e o vinho e disse: “Este é o meu corpo e o meu sangue” (Marcos 14: 22 a 25)?

A resposta é a Nova Aliança muito bem entendida por todos os Cristãos e Estudiosos do Evangelho.

Mas existe um detalhe que mexe com a minha imaginação. Jesus relacionou coisas materiais consigo mesmo, com Seu Corpo, numa demonstração de que Ele como Pessoa da Trindade tem tudo a ver com o Mundo Material, o qual através dEle foi criado ( Romanos 11: 36 ) (João 1: 3) ( João 1: 10 ) ( Colossenses 1: 16 ).

A escolha de um sólido (pão) e um líquido (vinho) foi pessoal para lembrá-lO

Romanos 11: 36 diz: Porque dEle e por Ele, e para Ele, são todas as coisas; glória pois a Ele eternamente. Amem.

 

João 1: 3: Todas as coisas foram feitas por Ele, e sem Ele nada do que foi feito se fez.

João 1: 10: Estava no Mundo, e o Mundo foi feito por Ele, e o Mundo não O conheceu.

Colossenses  1:  16: Porque nEle  foram criadas todas as coisas que há nos Céus e na Terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades: tudo foi criado por Ele e para Ele.

Para um melhor entendimento do que estou procurando demonstrar entre a relação da criação em Imagem e Semelhança, observamos o seguinte:

Na primeira coluna temos a Trindade de Deus; Na segunda coluna a relação com o Mundo Físico; Na terceira coluna  a relação com o Homem Trino:

DEUS…………………………..MUNDO FÍSICO……………………………….HOMEM  

Pai                        =                Cérebro                                         =       Espírito

Filho                    =                 mundo, alimento (pão e vinho)      =       Corpo

ESPÍRITO SANTO  =          Coração                                           =       Alma

(Consolador)

O Pai está para o cérebro, assim como, o cérebro está para o Espírito. (1° Coríntios 11: 3; Efésios 1: 22; Efésios 5: 23; Colossenses 1: 18).

O Filho está para o Mundo (alimento, pão e vinho, Etc), assim como o Mundo está para o Corpo. (Marcos 14: 22).

O Espírito Santo está para o coração, assim como o coração está para a Alma. (Mateus 15: 19; Marcos 12: 30;   Lucas 1: 17; Etc), (Gênesis 6: 6; Levítico 26: 30).

Deus é conseqüência de um processo imaginável de composição e transformação de tal maneira transcendental que só poderá ser conhecido no futuro e no Reino Celestial, se Deus o permitir;

Jesus relacionou coisas materiais consigo mesmo em relação ao Corpo numa demonstração de que Ele como Pessoa da Trindade tem tudo a ver com o Mundo Material, o qual através dEle foi criado (João 1: 3), (Romanos 11: 36).

Todas estas considerações respondem as minhas perguntas, se não respondem ou não satisfazem ao Leitor, peço desculpas.

Todas as minhas considerações estão baseadas na afirmação de Gênesis 1: 26 – “Façamos um homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança”. Em outras palavras: façamos um homem com as nossas características, afim de podermos interagir com ele. (João 17:1 a 26; Gênesis 1: 26; João 14: 9) (João 12: 45).

É importante ler e entender como Deus se relacionava com o homem, no Éden, de Pai para filho, de um Ser para outro ser em Imagem e Semelhança.

O Homem é conseqüência de uma composição de cerca de 18 elementos existentes na Natureza. Deus não fez o Homem de barro simplesmente. Ele o criou num processo científico e de alta tecnologia, como o conhecimento humano já conseguiu estudar, entender, manipular e desenvolver.

Precisa ficar entendido que a afirmação bíblica sobre o barro na criação do Homem é enigmática e para uma época sem o conhecimento científico que temos hoje;

O meu objetivo nesta Exegese é mostrar que Deus, ao afirmar em Gênesis 1: 26 – “Façamos um homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança”, deixou uma brecha para entendermos algo sobre Sua “natureza”, a fim de responder aos cépticos e aos agnósticos, ou melhor, não deixá-los sem resposta.

O Homem é conseqüência de uma composição e transformação à imagem e semelhança do seu Criador, e, com elementos emanados dEle, em Corpo, Alma e Espírito. Ele fez o Corpo e “soprou” a vida espiritual (Gênesis 2: 7), (Jó 32: 8).

Quando Enoque foi arrebatado (Gênesis 5: 24), Elias foi arrebatado (2° Reis 2: 11) e Jesus Cristo ressuscitou, ocorreu um fenômeno de transformação, em cada um, que a inteligência não consegue captar, entender ou discernir.

Trata-se da transformação do que é material “fundindo-se” com o espiritual e tornando-se um só elemento ou corpo transcendental, que somente Deus tem o poder para executá-lo, por possuir essa “natureza”. Usei o verbo fundir por não encontrar melhor explicação.

A Bíblia nos fala, através do Apóstolo Paulo de forma Teológica, a transformação em um Corpo Celestial, em 1° Coríntios 15: 52. O Apóstolo João, também, em 1° João 3:1 a 3. Ver também Filipenses 3: 20 e 21.

Assim como a água possui três estados: sólido, líquido e gasoso, assim também, e numa comparação grotesca, os elementos e substâncias que conhecemos possuem o estado da Perfeição e imperfeição podendo passar de um para o outro, por ação de Deus.

A TRINDADE DE DEUS

A título de reflexão, pois tudo o que estou expondo tem este objetivo, eu OUSO continuar abordando  a Trindade de Deus:

A Terra está cheia da Glória de Deus (Isaias 6:3).

Uma dessa glória de Deus existente no Mundo está caracterizado no fato do nosso Mundo ser em três dimensões. O Mundo emanou de Deus Trino, é Trino.

 

EMANAR = Nascer de, Provir, Originar-se de.

O Mundo é em três dimensões da mesma forma como Deus é Trino.

Comprimento, largura e altura, qual das três é a mais importante? (Efésios 3: 18) (Apocalipse 21: 16):

Efésios

3.18   a fim de poderdes compreender, com todos os santos, qual é a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade;

Apocalipse

21.10 e me transportou, em espírito, até a uma grande e elevada montanha e me mostrou a santa cidade, Jerusalém, que descia do céu, da parte de Deus,

“que descia do céu, da parte de Deus” = da parte de Deus, isto é, emanada de Deus;

O Mundo é em três dimensões e a Nova Jerusalém também é em três dimensões iguais numa prova de Unidade e de que emanou de Deus Trino

Apocalipse

21.16   A cidade é quadrangular, de comprimento e largura iguais. E mediu a cidade com a vara até doze mil estádios. O seu comprimento, largura e altura são iguais.

 

“O seu comprimento, largura e altura são iguais” = são iguais. Entendeu?!

Resposta da pergunta acima sobre a mais importante é que nada se pode afirmar.

Também não se pode separar uma das outras, isto é, não se pode separar a largura e deixar o comprimento e altura.

Da mesma forma não se pode afirmar qual das Pessoas da Santíssima Trindade é a mais importante, e, nem separá-Las.

O Homem é Trino – Espírito – Corpo – Alma – porque emanou de Deus. A respeito da tricotomia em relação à Trindade de Deus foi amplamente abordado anteriormente, na Introdução;

O Homem é o maior esplendor da Glória de Deus na Terra.

Pense nisso:

 

AS CORES BÁSICAS – CORES LUZ

A Ciência não explica a origem das cores, mas afirma que existem 3(três) cores básicas:

Vermelho, Verde,  Azul

A mistura dessas cores formam, por composição e transformação, as demais cores, sendo que o branco é a união, enigmaticamente, das sete cores do arco-íris citado em Gênesis 9: 13 a 17;

O Branco é a Unidade Perfeita caracterizada pela transfiguração de Jesus em Mateus 17: 2.

Eu arrisco uma opinião a respeito da origem das cores:

O Mundo é colorido
porque Deus é Esplendor,
pois tudo emanou de Deus,
o Deus Trino Criador

VERMELHO = Simboliza a Autoridade do Onisciente como controlador “Cerebral” da Criação ( Atos 1: 7 );

VERDE = Simboliza a Autoridade do Onipresente, isto é, a Vida presente na Terra. A Fotossíntese é a evidência e a razão da importância do Verde que produz o “O2” – Ar – que Simboliza o Espírito Santo – o Vento – Ar em movimento.

O Vento como em situações como em Pentecoste é um Símbolo da presença e manifestação do Espírito Santo ( Atos 2: 1 a 4 )

 

AZUL = Simboliza a Majestade  do Onipotente como Rei que Governará o Planeta e restaurará todas as Coisas ( Zacarias 14: 9 ).

A ORDEM DE DEUS PARA MOISÉS SOBRE AS CORES

Por que Deus mandou Moisés construir o Tabernáculo ( Êxodo 26: 1 ), o Véu do Tabernáculo ( Êxodo 26: 31 ), a Porta da Tenda ( Êxodo 26: 36 ), e as Vestes Sacerdotais (Êxodo 28: 5 ) compostas das seguintes Cores:

Púrpura, Carmesim, Azul e Linho Fino?

Púrpura é uma cor de tonalidade vermelha escura que simboliza a presença do Onisciente – É a cor símbolo de grande Autoridade

Carmesim é uma cor vermelha viva que simboliza os Sacrifícios Cerimoniais pelo sangue dos animais e profeticamente pelo Sangue de Jesus

Azul simboliza a presença do Onipotente – É a cor símbolo de Majestade Real

O Linho Fino (branco) simboliza a Santidade e Unidade Perfeita da Trindade contextualizando com a transfiguração de Jesus em Marcos 9: 3;

 

Marcos

9.3 as suas vestes tornaram-se resplandecentes e sobremodo brancas, como nenhum lavandeiro na terra as poderia alvejar.

A Cor Vermelha e a Cor Azul estão presentes na constituição do Tabernáculo, Véu do Tabernáculo, Porta da Tenda e nas Vestes Sacerdotais conforme Ordem de Deus para Moisés, simbolizando o Onisciente e Onipotente, respectivamente;

A Cor Verde não é incluída na constituição, ao que tudo indica, por já estar presente na Natureza conforme explicação anterior sobre o Espírito Santo – Onipresente

Precisa ficar entendido que estamos tratando de “presença” simbólica e não de presença real

Todos os utensílios ordenados por DEUS na construção do Tabernáculo com os detalhes e tudo o que envolve sua construção, desmonte e deslocamento têm um simbolismo pré-figurativo relacionados com a Trindade e particularmente com Cristo Jesus, isto é, o Tipo e o Anti-Tipo, que o Estudo da Tipologia Bíblica explica:

Tipo = é o símbolo pré-figurativo

Anti-Tipo = é o cumprimento da pré-figuração – Cristo Jesus

POR QUE JESUS SE REFERIA A DEUS COMO PAI?

Jesus se referia a Deus como Pai porque naquele momento de Sua encarnação Ele era 100% humano e 100% Divino, gerado por um espermatozóide celestial, e, desta forma Ele se referia a Deus como Pai pela sua humanidade dependente do Onisciente, que naquele momento estava no CONTROLE do Reino Celestial ( Anjos Perfeitos e Anjos Caídos ) e de toda a Criação animada e inanimada;

O Onipotente (Jesus) e o Onipresente (Espírito Santo) estavam encarnados.

A expressão enigmática de Jesus na Cruz do Calvário não deixa dúvidas sobre a afirmação acima ( Marcos 15: 34 ):

Marcos

15.34 À hora nona, clamou Jesus em alta voz: Eloí, Eloí, lamá sabactâni? Que quer dizer: Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?

“Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?” = O Onipotente revestido do Onipresente refere-se ao Onisciente como Seu Deus.

Precisa ficar entendido que Jesus estava sujeito aos mesmos fatores humanos como qualquer homem;

As designações de Pai, Filho e Consolador foram utilizadas por Jesus como forma de Linguagem Humana para a Trindade Teológica, respectivamente, Onisciente, Onipotente e Onipresente.

PARA REFLEXÃO:

Jesus foi gerado por um espermatozóide CRIADO especialmente por Deus e “inseminado”, por Obra e Graça do Espírito Santo, de forma sobrenatural, no óvulo de Maria para que Sua Alma e Espírito tivessem uma estreita comunhão com o Pai – Onisciente, dando-Lhe as condições necessárias para cumprir Sua Missão.

Em outras palavras, Jesus era 100% humano e 100% Divino, ou melhor, Jesus tinha o corpo humano e a Alma e o Espírito do Pai. Quem via Jesus, via o Pai. (João 12: 45; 14: 9).

Isto não invalida o Seu Ministério e Sacrifício, pois a Sua Divindade estava apenas na Alma e Espírito. O corpo era humano e reagia como todo mortal.

Maria foi fecundada por um espermatozóide que não era de José, mas emanado do Céu, por Obra e Graça do Espírito Santo ( Lucas 1: 35 );

 

LUCAS 1: 35 = Respondeu-lhe o anjo: Descerá sobre ti o Espírito Santo e o poder do Altíssimo te envolverá com a sua sombra; por isso também o ente santo que há de nascer , será chamado Filho de Deus”.

“com a sua sombra”sombra representa, teologicamente e enigmaticamente, a presença da ação Divina.

Jesus era 100% homem e 100% Divino, logo, sua humanidade estava basicamente no óvulo de Maria, porém, sua Divindade estava indubitavelmente no espermatozóide Celestial;

Conclusão óbvia: No espermatozóide estavam os Atributos de Deus que deram os “Dons”  Divinos que Jesus usou para cumprir Sua Missão como homem; Ver o Artigo “O POETA CRIADOR”, no Site, sobre “Dons” e os espermatozóides.

PENSE NISSO:

“EU E O PAI SOMOS UM” ( João 10: 30 )

“Quem me vê a mim, vê o Pai” ( João 14: 8 a 11 ) – Deus encarnado

Na verdade Jesus estava dizendo: Quem me vê a mim vê também o Espírito Santo, e, o Pai, ISTO É, vê a Trindade, ou melhor, Eu, o Espírito Santo e o Pai somos UM ( João 10: 30 ).

Jesus estava contido – cheio – revestido – do Espírito Santo ( Lucas 1: 35 ) (Lucas 3: 22), porém sob a condição humana em todas as suas circunstâncias.

 

– Jesus estava cheio do Espírito Santo por Seu nascimento sobrenatural (Lucas 1: 35 )

– Confirmada a Sua condição Divina quando do Seu Batismo, por João Batista, no simbolismo da “pomba” – Espírito Santo , dando início ao Seu Ministério para Salvação ( Lucas 3: 22 )

Lucas

3.22 e o Espírito Santo desceu sobre ele em forma corpórea como pomba; e ouviu-se uma voz do céu: Tu és o meu Filho amado, em ti me comprazo

O Pai é o Espírito na Sua forma e significado de Onisciente. É o “cérebro” da Trindade [João 12: 44 a 50].

O Filho é a Imagem e Semelhança – Corpo Espiritual na Sua forma e significado de Onipotente [Mateus 28: 18]. “Quem me vê a mim, vê o Pai” [João 14: 9].

O Espírito Santo [Consolador] é a Alma na Sua forma e significado de estar presente [Onipresente] [João 14: 17]. Tem a função que caracteriza a Alma humana: “dá gemidos inexprimíveis” [Romanos 8: 26] [Levítico 26: 11,30].

Os três formam uma Unidade Perfeita e agem em Unidade [1 João 5: 7] [Mateus 28: 19].

São Três “Pessoas” com “essências” específicas e “funções” que se completam formando uma Unidade Perfeita.

Do exposto observe o exemplo de profundo sentido Teológico e fundamental para entender a Trindade de Deus:

Gênesis 1: 26 diz : Façamos [plural] – Trindade em ação; (façamos um homem à nossa imagem, e conforme a nossa semelhança);

Gênesis 1: 28       : Quem falava com Adão: o Pai, o Filho ou o Espírito Santo ?

Resposta: Deus falava [fala].

Da mesma forma em relação ao Corpo, Alma e Espírito, quem é que fala ?

Resposta : o Homem fala.

O CONSOLADOR

( João 14: 16 ) ( João 14: 17 ) ( João 15: 26 ) ( João 16: 7 )

João

14.16 E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, a fim de que esteja para sempre convosco,

João

14.17 o Espírito da verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê, nem o conhece; vós o conheceis, porque ele habita convosco e estará em vós.

“porque ele habita convosco” = Jesus revestido do Espírito SantoO Consolador.

“e estará em vós” = Como aconteceu em Atos 2: 1 a 13 – Dia de Pentecoste.

João

15.26 Quando, porém, vier o Consolador, que eu vos enviarei da parte do Pai, o Espírito da verdade, que dele procede, esse dará testemunho de mim;

 

João

16.7 Mas eu vos digo a verdade: convém-vos que eu vá, porque, se eu não for, o Consolador não virá para vós outros; se, porém, eu for, eu vo-lo enviarei.

ATENÇÃO:

O Espírito Santo – Onipresente – sempre esteve, está e sempre estará presente, porém atuou, atua e atuará sempre com características pertinentes que o período ou momento for estabelecido pela Trindade. Como exemplo, ver o Tópico “O Espírito Santo na Grande Tribulação”, no Artigo “O Enigma da Grande Tribulação”, no Site.

TUDO QUANTO PEDIRDES A MEU PAI, EM MEU NOME, ELE VO-LO HÁ DE DAR (  João 16: 23 )

Por que ao Pai em nome de Jesus ?

Por que essa enigmática condição ?

Por que a Oração do Pai Nosso ensinada por Jesus ?

Por que ao Pai no contexto da Trindade em relação a tudo que envolve a Criação ?

RESPOSTA : O Pai é a “Pessoa” do Onisciente.

O PAI – O Onisciente é a “Pessoa” da Trindade que tem o Controle de tudo e de todos. É o “Cérebro” Espiritual da Trindade. ( Marcos 13: 32 ) ( Atos 1: 7 );

O FILHO – O Onipotente é a “Pessoa” da Trindade que tem o Poder na ação de tudo que envolve a Obra da Criação. É o Corpo Espiritual da Trindade. ( João 1: 3 ) ( Mateus 28: 18) ( Filipenses 3: 21 );

O CONSOLADORESPÍRITO SANTO – O Onipresente é a “Pessoa” da Trindade que está presente de forma transcendental na Obra da Criação e em particular no processo e consolidação da Santificação pelo Sangue de Jesus. É a Alma Espiritual da Trindade ( Salmos 139: 7 ) ( João 14: 17 ).

Para melhor entendimento segue uma Reflexão  sobre o enunciado sobre Deus e O CÉREBRO:

O CÉREBRO

A Ciência já comprovou a potência que existe no cérebro humano comparado com um perfeito computador.

Sem querer exagerar, mas procurando mostrar de maneira superficial e lógica, o nosso cérebro está ininterruptamente ligado ao “Cérebro” de Deus.

Todos os nossos atos são conhecidos porque Deus criou o nosso cérebro de tal maneira que mesmo dormindo Ele nos controla (monitora), ou melhor, sabe tudo sobre cada um de nós de per si.

Mesmo que o homem não queira se comunicar Ele está em comunicação unilateral.

Ele tem o Controle. (1ª Coríntios 4: 5), (Mateus 6: 4), (Lucas 12: 7).

Deus controla, além de todas as Leis do Universo, mais de 6 (seis) bilhões de cérebros, e todos os Seres Celestiais e Malignos. Desta forma podemos ter uma idéia da “grandeza” do nosso Deus.

Deus tem acesso ao nosso “computador” cerebral independentemente de nossa vontade.

Enquanto estivermos vivos, nosso cérebro (computador) estará ligado e em contato com Deus.

Tudo foi criado cientificamente com propósitos definidos. À medida que a Ciência avança, fica mais claro entender o que se passa à nossa volta em relação à Bíblia, ao Homem e a Deus.

Não adianta querer esconder de Deus os nossos atos, pois está tudo sendo registrado no Reino Celestial, Reino que tudo indica, é paralelo ao nosso em Ciência, mas Divino.

Só Jesus pode deletar (apagar) aquilo que afasta o Homem de Deus. À medida que a Ciência avança, fica mais fácil de entender a Bíblia. (Hebreus 4: 13);

A vontade de Deus é que todos os Homens estejam ligados nEle, e não somente Ele ligado no Homem.

Jesus é a senha espiritual que faz a ligação do Homem com Deus, de tal modo que o Homem volta a ser não só conectado,  mas controlado, dirigido e ter iluminada a tela de sua vida. “Lâmpada para os meus pés é a tua palavra (Jesus) e luz para meus caminhos”. (Salmo 119: 105).

Satanás não tem acesso ao “computador cerebral” do Homem, mas pode influir no seu pensamento e vontade, como fez com o Homem (Adão e Eva) no Éden.

Creio que estas colocações estejam sendo compreendidas, pois à medida que vamos tomando conhecimento dos avanços da Ciência, vamos conhecendo, entendendo e discernindo melhor o nosso Deus.

Eu sempre acreditei, mas procurava uma resposta de como Deus tem acesso ao nosso pensamento de uma forma que pudesse entender. Hoje eu já entendo e espero que o Leitor, também, com estas colocações tenha entendido.

Quero lembrar que sem Jesus na vida do Homem não existe ligação do Homem com Deus.

 

Para terminar este assunto, quero chamar à atenção, para que o Leitor que não conhece a Bíblia, entenda que o Universo não é obra do acaso, e sim um elaborado Projeto Onisciente, Onipotente e Onipresente da Divina Trindade tendo a Bíblia como Manual de Revelação, de Fé e de Prática. Leia e estude a Bíblia.

PENSE NISSO

 

A afirmação bíblica de que Deus sabe até a quantidade de fios de cabelos da cabeça de uma pessoa (Lucas 12:7), só tem explicação através de um sofisticado “programa computadorizado e previamente programado” de todo o Corpo Humano, bem como, de todo o Universo, por Quem criou o Universo o Corpo Humano e o “programa”, conforme já podemos imaginar, humanamente, pelo conhecimento Científico.

Nós somos uma Máquina Humana energizada e espiritual à Imagem e Semelhança de Deus, ou não?! ( Gênesis 1: 26 )

Este Tópico foi extraído do Livro Assuntos Polêmicos da Bíblia, no Site.

PENSE NISSO:

Deus cria o Homem (Adão) conforme a Sua Imagem e Semelhança, no Reino Celestial ( Gênesis 1: 26 ), e o Emana no Jardim do Éden;

EMANAR = Nascer de, Provir, Originar-se de.

Deus encarna na Pessoa de Jesus revestido do Espírito Santo que afirma ser ELE e o PAI unitário, isto é, “Eu e o Pai somos um” ( João 10: 30 );

A RESSURREIÇÃO DE JESUS

A explicação Teológica para a Ressurreição de Jesus está no fato de que o Seu Corpo Humano pereceu, mas o Espírito Santo – Onipresente – que O revestia apenas esperou o cumprimento da Profecia dos três dias para ressurgir em Glória Celestial Divina:

João

2.19 Jesus lhes respondeu: Destruí este santuário, e em três dias o reconstruirei. ( Mateus 26: 61 ) ( Mateus 27: 40 ). ( Almeida Revista e Atualizada )

João

 

2.19   Jesus respondeu e disse-lhes: Derribai este templo, e em três dias o levantarei. ( Almeida Revista e Corrigida )

Por que três dias e não outra qualquer quantidade?

Tudo indica que Três dias contextualiza com a Profecia de Oséias 6: 1 a 3 – que está postado no Artigo “O PROFÉTICO REINO MILENIAL”, no Site.

Oséias

6.2 Depois de dois dias, nos dará a vida; ao terceiro dia, nos ressuscitará, e viveremos diante dele.

Tudo indica que o terceiro dia refere-se, profeticamente,  à Nação de Israel. Jesus estava falando para Judeus e Oséias 6: 2 referem-se a Judeus. O terceiro dia para Israel será o Milênio quando Jesus Reinará sobre Israel; Jesus além de Sua Ressurreição estava falando profeticamente da ressurreição de Israel como Nação Milenial, muito bem explicado no Artigo “O Profético Reino Milenial”, no Site.

Jesus ao dizer que o Seu Corpo era um Santuário – Templo – não deixa dúvidas que era a morada do Espírito Santo durante sua permanência neste Mundo, conforme ampla exposição anterior;

Jesus ressuscita dos mortos e aparece aos Discípulos, mostra a Sua ferida, manda Tomé tocar nela ( João 20: 27 ), come com os Discípulos na praia ( Lucas 24: 43 ), e, despede-Se dos Discípulos de forma sobrenatural em ascensão ao Reino Celestial, conservando Suas características Humanas, PORÉM em Glória Celestial Divina.

( Lucas 24: 51 );

Diante de fatos evidenciados, as características da “forma” humana certamente são cópia das características transcendentais dos SERES Celestiais, do Pai, do Filho, do Espírito Santo, dos Anjos, em Imagem e Semelhança, porém num Corpo Glorioso ( Gênesis 1: 26 ).

Podem parecer exagerada estas minhas colocações, porém deixo para o Leitor refletir sobre todas as aparições de Anjos na Bíblia comendo, bebendo e interagindo, e nas nossas experiências com Seres Celestiais sempre com a forma e características Humanas.

O UNIVERSO COMO CRIAÇÃO DE DEUS

Este é o maior Enigma que mexe com a minha imaginação:

Qual o tamanho de Deus ?

Deus é adimensional; Deus pertence a um Plano Eterno adimensional; Não pode ser medido;

Deus é atemporal; Deus não está sujeito ao tempo.

Como o Universo com todas as suas dimensões incomensuráveis e cerca de Bilhões de Galáxias foram criadas dEle, por Ele e para Ele, e está sob o Seu Controle ? ( Romanos 11: 36 ); Qual é a “Dimensão” de Deus para criar tão incomensurável Universo?

Não existe uma resposta Humana que atenda e alcance a Lógica, a Metafísica e a Filosofia em relação às colocações citadas.

Não tenho receio de abordar a “natureza” de Deus em relação ao Universo pela sua incomensurabilidade, pois já fui transladado de um lugar para outro bem distante estando dirigindo carro conforme amplo testemunho na seção “O AUTOR”, no Site;

Foram 4 (quatro) experiência de transladação instantâneas e imperceptíveis, por exemplo, em que a matéria, a distância e o tempo deixaram de ser fatores físicos condicionais na Ação de DEUS;

Procurando na Teologia, que é a Ciência dos Enigmas de Deus, consegui discerni o seguinte:

Isaías

 

34.4 Todo o exército dos céus se dissolverá, e os céus se enrolarão como um pergaminho; todo o seu exército cairá, como cai a folha da vide e a folha da figueira.

“Todo o exército dos céus se dissolverá” = Exército dos Céus são as Galáxias;

Um Exército e um conjunto de forças que se harmonizam em sentido de Unidade;

Uma Galáxia é um conjunto de forças que se harmonizam em sentido de Unidade;

As galáxias como um todo serão atingidas transformando-se em Átomos. Todas as coisas são feitas de Átomos, logo, todos os Átomos são dEle, por Ele, para Ele – Jesus.

“e os céus se enrolarão como um pergaminho” = texto enigmático mostrando que o Universo será transformado a partir de tudo o que já existe;

“como cai a folha da vide e a folha da figueira” = o que pode parecer inacreditável acontecer, pois, são cerca de 200 bilhões de galáxias, mas para Deus são como folhas de árvores.

Entendeu? – Galáxias são como folhas de árvores para Deus.

THE BIG BANG

“Segundo muitos cientistas, há cerca de 14 bilhões de anos, toda a matéria que forma o Universo, incluindo o próprio Espaço, estava concentrada em um só ponto.

De repente, em questão de instantes, houve uma explosão gigantesca conhecida como Big Bang.

Quase ao mesmo tempo apareceram as matérias que formam os planetas, as estrelas e as galáxias.

Assim se formou o Universo. (Extraído de fascículo “Canal” – Jornal Extra. – Lâmina visor  – Geografia. O Sistema Solar)”.

A Ciência afirma que o Universo se formou, ou melhor, teve início, através de uma grande explosão, localizada a partir de um ponto, após um fenômeno físico, que desencadeou a explosão, mas não explica a “Mecânica Celeste”  e as Leis que compõem cada uma das Ciências conhecidas, por exemplos, através de uma explosão.

Teologicamente, ao lermos a Palavra de Deus, nós entendemos que tudo teve início em Deus (Romanos 11: 36), através de um Grande Projeto e conseqüentemente, uma Grande Execução de Criação, conservado, sustentado e controlado, bem ao contrário de um “Big Bang” natural.

Não descarto a afirmação da Ciência sobre o princípio da criação do Universo, porém acrescento que aconteceu sob a Ação SOBRENATURAL do Onisciente, Onipotente e Onipresente, e que esteve, está e estará sob Controle.

PENSE NISSO:

Após uma grande explosão a conseqüência é uma grande destruição e o caos, não há a menor dúvida.

Ao contemplarmos a ciência que envolve o conjunto de todo o Universo, entendemos que é obra de um Criador, um Ser Divino, Onisciente, Onipotente e Onipresente.

A Ciência afirma que o som da Grande Explosão – Big Bang – ainda ressoa no Universo.

A Bíblia afirma que a  criação do Universo foi pela  Palavra de Deus – Jesus – e a Sua voz está presente no Céu, no Universo e na Terra. (Salmos 147:15), (Apocalipse 19: 13) (Gênesis 22: 18).

Salmos

147.15 Ele envia as suas ordens à terra, e sua palavra corre velozmente;

A Ciência afirma que o Universo está em expansão e da mesma forma como começou, voltará ao estágio inicial para desencadear uma nova explosão.

 

A Bíblia – Palavra de Deus – Afirma que após Deus completar o Seu projeto atual para o Universo e o Homem, fará um Novo Céu e uma Nova Terra, a partir de tudo que já existe. (Isaías 34: 04 (Apocalipse 6: 14) (Apocalipse 21: 1 A 27) (Isaías 66: 22).

Ver detalhes sobre O Novo Céu e Nova Terra, no Artigo “O Profético Reino Milenial”, no Site.

CONCLUSÃO

Enquanto a Ciência procura o caminho que conduza à verdade sobre a origem do Universo e da Vida, a Palavra de Deus afirma, mostra e comprova  quem é o Caminho, a Verdade e a VidaJesus. (João 14: 6) (João 1: 1 a 14) (Romanos 11: 36).

João

14.6   Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim.

O Caminho = O Onisciente = Sabe tudo

A Verdade = O Onipotente = pode tudo

A Vida = O Onipresente = presente em tudo = A Terra é um “organismo vivo”

Ver porque a Terra é um “organismo vivo”, no Artigo “O POETA CRIADOR”, no Site.

“EU E O PAI SOMOS UM” ( João 10: 30 )

“Quem me vê a mim, vê o Pai” ( João 14: 8 a 11 ) – Deus encarnado

Jesus estava revestido do Espírito Santo, conforme ampla exposição anterior, logo, quem via Jesus, via o Espírito Santo e o Pai, isto é, via a enigmática Trindade.

“ninguém vem ao Pai senão por mim” = a expressão vem ao Pai e não vai é conclusiva.

 A Teologia é uma Ciência, cujo Cientista Criador é Onisciente, Onipotente e Onipresente, logo, Ele é DEUS.

 CONCLUSÃO FINAL

 DEUS  é  TRINO !

PENSE NISSO:

INDIFERENÇA E INGRATIDÃO

Sobre este Assunto acessar a Seção “O AUTOR”, no Site.

……………………………………………. X ……………………………………….

“Este Artigo é de inspiração posterior à Publicação do Livro anunciado”

Os Artigos do Site complementam assuntos do Livro.

Na hipótese de ser importante, SUGIRO A INDICAÇÃO  do Artigo e o SITE.

Próximos Assuntos a serem incluídos no Site, paulatinamente:

– O QUE FAREMOS NO CÉU?!

– ETC

19 comentários para O ENIGMA DA TRINDADE

  • EDIGAR CAIRES  disse:

    Boa tarde em Cristo
    Parabéns, passei mais da metade de minha vida estudando e tentado entender com minha mente, meu coração e minha alma este assunto, pois me vejo no direito de tentar conheçer Deus o máximo possivel, como criatura e filho Dele, a ” personalidade ” de Deus sempre me fascinou. sou agradecido a Ele pelo que ele criou e pelo que ele fez por mim, principalmente no calvário, mas acima de tudo amo Ele pelo que Ele é em sua perfeição.
    O que acabei de ler neste artigo, ao meu ver, foi o mais perto que alguém consequi chegar para descrever a ”essência ” da formação divina.
    Que o Nosso Senhor Jesus Cristo continue o abençoando.
    Tenho sentido que falta pouquissimo tempo para o arrebatamento da Igreja acontecer, ao meu ver só falta todas as pessoas sinceras ter mais um pouco de conhecimento pra tomar uma decissão séria para que Jesus finalmente venha nos buscar. sinto que ele está levantando vozes sérias e sem compromissos humanos pra pregar estas ultimas mensagens e ao meu ver vossa senhoria é uma destas vozes.
    um abraço fraterno, te vejo em breve na eternidade.
    Edigar Caires.

    • Onir Francisco Damas  disse:

      Prezado Irmão em Cristo
      Obrigado pelo contato e pelas palavras abençoadoras
      Orem por mim e pela minha família
      Onir

  • Carlos  disse:

    Ola meu Irmao.
    estava aqui a ler no teu blogue este tema interecante sobre a trindade.
    e cheguei a conclusao que a doutrina da trindade e mesmo uma doutrina de homens e graças o que o irmao escreveu ai tive a certeza disso. Porq analisei o quanto o homem busca teoria absurdas para sustentar esse dogma. tanto e que ate pegam nesssas teorias e acressentam na propria biblia que e a palavra de Deus. isto e trabalho do diabo. o espirito do anticristo esta trabalhando com muita força para desviar ate mesmo os escolhidos. e pelo que eu tenho visto, muitosirmaos que estudaram teologia acreditam dessa doutrina de demonios. pois para ler a biblia e compreende-la nao precisamos de cursos de teologia precisamos da orientaçao divina de Deus. ja entendi esses cursos de teologia vos ligam muitas vezes ao catolicismo romano.
    nao sou teu inimigo, pelo contrario so um amigo nos avisa do perigo ainda ha tempo. examine bem as escrituras Sagradas le-as nao como teologo. mas como Cristao e pede antes a orientaçao Divina antes que seja tarde demais.

  • Xeila  disse:

    Ola Irmaos
    Eu tambem concordo com o Irmao acima o Carlos.
    e isso ai eu tambem pude compreender Que esta doutrina ai de homems. q eu considero como o grande engano, Satanas planificou bem como finalmente poderia realizar o seu sonho de montar o trono dele la em cima das estrelas e ser adorado como Deus (quem e essa dita terceira pessoa da trindade? quem sera?), ou inves de tirarem algo da Biblia para o mundo, tiraram do mundo para as escrituras sagradas de Deus. imprecionante!!!.

    Assim diz o SENHOR: Pondo-vos a margem no caminhoe vede perguntai pelas veredas antigas, qual e o bom caminho andai por ele e achareis descanso para a vossa Alma mas eles dizem: Nao andaremos.

    Eu porem faço isso enquanto os trinitarianos dizem nao!
    Desde quando surgio esse dogma? e biblico? onde esta escrito? Para comprender Deus e seu Filho Jesus Cristo o Messias da promessa Olhe para o antigo testamento.
    Para compreender a Trindade olhe para o catolicismo romano e ao paganismo.

    Eu porem quando decidi seguir a Cristo e ao meu Deus peguntei pelas veredas antigas qual o bom Caminho.
    Como Crista digo se algo nao costa na Biblia, nao e de Deus. e se costa mas o homem e quem colocou entao e de homems.

    Acredite meu querido irmao leia a Biblia com o espirito orientador de Deus. isto pode ser um aviso de Deus.
    o termino do tempo da graça esta proximo ainda resta um tempinho.
    Que Deus vos abençoe Grandemente.

  • Xeila  disse:

    E conhecereis a verdade e a verdade vos libertara.
    Joao 8:32

  • Carlos  disse:

    Oespirito santo e a terceira pessoa da trindade!
    na Biblia Sagrada, encontramos passagems que falam do espirito de Deus, Espirito de Cristo. Isto e porque sao Pessoas.
    E entao se o Espirito Santo e uma pessoa cade o Espirito do Espirito Santo?
    e onde sera que anda o trono dele? na visao de Joao sitada em Apocalipse da para ver charamente que so existem Duas pessoas no trono Deus e o cordeiro Cristo!!
    Por favor leiam a Biblia como Cristaos, e verdadeiros Filhos de Deus e nao como homens estudiosos e orgulhosos.
    Que Deus me perdoe e a vos tambem.

    Sabereis da verdade, e a verdade vos libertara. Joao 8:32
    paremos de ser escravos de ensinamentos de homens.

  • xeila  disse:

    Meu querido Irmao peço-te por favor que nao apagues o os meus comentarios, alhais nao apague comentarios de ninguem exceptos os que contiverem ofensas.

    Agradesso pela compreença.

    • Onir Francisco Damas  disse:

      Prezados Carlos e Xeila

      Diante do pedido para não apagar os seus comentários resolvi mantê-los;

      Desta forma fico na obrigação de responder:

      1 – Ignorar o Espírito Santo na Obra da Criação e da Salvação como pessoa da Trindade é um pecado imperdoável conforme Palavras de Jesus em Mateus 12: 32:

      Mateus

      12.32 Se alguém proferir alguma palavra contra o Filho do Homem, ser-lhe-á isso perdoado; mas, se alguém falar contra o Espírito Santo, não lhe será isso perdoado, nem neste mundo nem no porvir.

      2 – Quanto a Expressão “pessoa” trata-se de uma designação por comparação em relação ao ser Humano, em Imagem e Semelhança, porém guardadas a diferença entre o material e espiritual;

      3 – Quanto ao que o Apóstolo João viu sobre Deus e o Cordeiro no Céu, só tem sentido pelo fato do Espírito Santo estar na Terra enviado por Jesus cumprindo o que Ele afirmou em João 14: 16 ; João 15: 26 ; João 16: 7:

      João

      14.16 E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, a fim de que esteja para sempre convosco,

      João

      15.26 Quando, porém, vier o Consolador, que eu vos enviarei da parte do Pai, o Espírito da verdade, que dele procede, esse dará testemunho de mim;

      João

      16.7 Mas eu vos digo a verdade: convém-vos que eu vá, porque, se eu não for, o Consolador não virá para vós outros; se, porém, eu for, eu vo-lo enviarei.

      4 – Quanto as afirmações de Espírito de Deus e Espírito de Cristo, trata-se do mesmo Espírito, isto é, o Espírito Santo, pois, O Espírito Santo faz parte da Trindade de Deus, muito bem esclarecido no Artigo em questão.

      5 – Quanto a ler as Escrituras antes que seja tarde demais, eu devolvo o aviso;

      6 – Quanto ao alerta para observar o que consta da Bíblia causa-me espanto o fato do desconhecimento amplamente referenciado nas Escrituras sobre o Espírito Santo, que Jesus chamou de “Consolador”. Citei apenas os mais evidentes acima;

      7 – Quanto a ler e estudar a Bíblia como Cristão e não como Teólogo! Sem comentários.

      Que a Trindade os abençoe

      Onir

  • Luis  disse:

    Ao Carlos e Xeila
    O Pai (Jeová) é o Deus referido no velho testamento, (Não que Jesus não seja, mais o enfoque principal é o Deus de Israel) o Filho (Jesus) é o Deus referido no novo testamento (João 1:1), e o Espírito Santo é o Deus que age em nossos dias (João 14:16), o qual este último dá testemunho de Jesus que é a verdade (João 15:26) Não tem nada de complicado e muito menos doutrina de homens ou do diabo.

    O E.S. age, convence o homem do pecado, da justiça e do juízo, quem pode fazer isso se não for o próprio Deus?

    Vocês entendem apenas aquilo que vêem, Jesus repreendeu Nicodemos porque não entendia o mistério de nascer de novo (João 3) mesmo sendo este Mestre em Israel

    É muito simples, não podemos ir ao Pai senão pelo Filho, (João 14:6), quem tem o Filho tem a vida, e o Filho disse assim: “Quando, porém, vier o Consolador, que eu vos enviarei da parte do Pai, o Espírito da verdade, que dele procede, esse dará testemunho de mim” Jo. 15:26

    Pronto, Deus é um só entende? Agindo em 3 pessoas que se unem perfeitamente!

    Glória a Deus!

  • Onir Francisco Damas  disse:

    O ESPÍRITO SANTO

    Como complemento deste importante Assunto precisa ficar entendido o que a Bíblia afirma sobre a Trindade de Deus:

    Pai – Onisciente
    Filho – Onipotente
    Espírito Santo ( Consolador ) – Onipresente;

    Preste Atenção nestas referências:

    Mateus 12: 28

    12.28 Se, porém, eu expulso demônios pelo Espírito de Deus, certamente é chegado o reino de Deus sobre vós.

    Jesus diz que Ele estava expulsando os demônios pelo Espírito de Deus, isto é, Jesus revestido do Espírito Santo;

    Mateus 12: 29 e 30

    12.29 Ou como pode alguém entrar na casa do valente e roubar-lhe os bens sem primeiro amarrá-lo? E, então, lhe saqueará a casa.

    12.30 Quem não é por mim é contra mim; e quem comigo não ajunta espalha.

    Jesus diz que quem estava duvidando de Sua Divindade pelo Espírito Santo estava contra Deus, e mais, ao invés de somar estava prejudicando a união fraternal através dEle;

    Mateus 12: 31 e 32

    12.31 Por isso, vos declaro: todo pecado e blasfêmia serão perdoados aos homens; mas a blasfêmia contra o Espírito não será perdoada.

    12.32 Se alguém proferir alguma palavra contra o Filho do Homem, ser-lhe-á isso perdoado; mas, se alguém falar contra o Espírito Santo, não lhe será isso perdoado, nem neste mundo nem no porvir.

    Jesus conclui o Seu ensinamento confirmando o revestimento pelo Espírito Santo que sendo uma “pessoa” da Trindade que convence o Homem do pecado, da justiça e do juízo, e deixa evidente que quem falar mal do Espírito Santo estará irremediavelmente condenado ( João 16: 8 );

    BEM ENTENDIDO: Se a pessoa não acredita no Espírito Santo sendo Ele que convence do Pecado, logo, essa pessoa não pode ser convencida do pecado , isto é, continua com o pecado – entendeu?!

    João

    16.8 Quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo:

    Diante destas colocações fica uma pergunta para os que não têm o Espírito Santo como uma pessoa da Trindade:

    O Espírito Santo é um Anjo ou uma Divindade, pois, somente existe duas “naturezas” de Seres no Céu – Deus e os Anjos?

    A afirmação de Jesus de que no Céu não se casam e nem se dão em Casamento, mas são como Anjo deixa claro que os Seres Celestiais, tais como, Serafins, Querubins, entre outros, segundo uma escala Hierárquica, têm a mesma natureza angelical.(Marcos 12: 25)

    Marcos

    12.25 Pois, quando ressuscitarem de entre os mortos, nem casarão, nem se darão em casamento; porém, são como os anjos nos céus.

    Para os que não acreditam ser o Espírito Santo uma “pessoa” da Trindade Divina precisam entender que os Anjos desejaram pregar o Evangelho para a Humanidade, porém foram impedidos cabendo a eles a missão de Mensageiros de Deus, conforme referências a seguir ( 1ª Pedro 1: 12 ) ( Hebreus 1: 14 )

    1 Pedro

    1.12 Aos quais foi revelado que, não para si mesmos, mas para nós, eles ministravam estas coisas que, agora, vos foram anunciadas por aqueles que, pelo Espírito Santo enviado do céu, vos pregaram o evangelho, para as quais coisas os anjos desejam bem atentar. ( atentar = empreender )

    Hebreus

    1.14 Não são, porventura, todos eles espíritos ministradores, enviados para servir a favor daqueles que hão de herdar a salvação?

    Bem entendido: Os Anjos são Mensageiros de Deus para Salvos (Protetores, anunciadores, reveladores) e não de pecadores.

    Desta forma não existe a menor dúvida de que o Espírito Santo não sendo um Anjo então é um ser Divino, isto é, uma “pessoa” da Trindade de Deus.

    Bem entendido: os Anjos não têm a missão de convencer a Humanidade do pecado, da justiça e do juízo, cabendo ao Espírito Santo esta missão, através do Corpo de Cristo – Salvo em Cristo Jesus – pela Palavra de Deus e pela Santificação.

    Bem entendido: o Espírito Santo não sendo um Anjo é um Ser Divino, desta forma sendo um Ser Divino compõe a Unidade da Trindade de Deus.

  • John Ramos  disse:

    Paz do Senhor Onir Francisco Damas

    Estou feliz pela sua vida apesar de eu estar conhecendo apenas 2 dias o seu site quero lhe dizer que hoje em dia é dificil encontra pessoas que pregue o verdadeiro e genuino evangelho de nosso Senhor Jesus, estou muito feliz mesmo apesar de eu ser novo convertido com apenas 10 anos de Cristão é raro ver isso onde eu moro, mas enfim gostaria que se possivel vc fala-se sobre o Dom de Falar noutras linguas, no caso o Batismo com Espirito Santo e como receber o mesmo e o Renovo quando o Cristão se afasta e depois volta arrependido para Cristo.

    Paz e Graça da Parte de Cristo Jesus

    • Onir Francisco Damas  disse:

      Prezado John Ramos

      Obrigado pelo contato e pelas palavras de estímulo;

      Quanto ao Batismo pelo Espírito Santo é um Mistério;

      Não existe uma técnica para ser Batizado, pois, os exemplos de pessoas que foram Batizadas no mesmo instante da Conversão, outras quando do Batismo e outras em situações diversas, não deixam a menor dúvida desse Mistério;

      Eu fui Batizado com o Espírito Santo após mais de 30 anos de convertido;

      Um dos sinais desse Batismo é caracterizado por um linguajar incompreensível para àqueles que ouvem;

      Esse linguajar é muito pessoal, pois envolve circunstâncias em relação a Deus;

      Estou expondo a minha experiência pessoal sobre o Assunto;

      Quanto ao desviado que retorna arrependido à Igreja, eu posso falar por experiência própria, pois, sou um exemplo de desviado que retornou;

      Eu me converti aos 25 anos e me desviei aos 27; Voltei arrependido aos 35 anos, porém disposto e mais resoluto a não ceder às astutas ciladas do Estrategista do Mal;

      Procurei envolver-me na Obra de Deus, não só na parte Administrativa da Igreja, como procurei a Adoração através da Poesia, tendo composto um Livro;

      Recebi um “Chamado” específico para o Estudo Teológico e o resultado está exposto no meu Site, não só nos meus Testemunhos como nos Estudos;

      Quero deixar claro que estou sendo guardado pela Misericórdia, Bondade e Amor de Deus, pois, o Estrategista do Mal está com todas as suas artimanhas no meu encalço para me destruir;

      Tenho consciência de que estou batalhando em uma Área Espiritual contra as Trevas, que está incomodada com o resultado dos que estão sendo Salvos, voltando para a Igreja e outros à beira do suicídio, conforme testemunhos registrados em Comentários.

      Tenho certeza que muitos estão entendendo mais claramente o conteúdo da Bíblia como Palavra de Deus;

      Espero ter atendido suas expectativas;

      Fique na Paz de Jesus

      Onir

  • urbano  disse:

    Boa tarde, gosto dos seus estudos, porem queria informar que neste especifico, enigma da trindade você expressou algo erradamente, gostaria que você revisse seus conceitos na questão das cores. as cores primarias são vermelho, azul e amarelo, você trocou amarelo por verde, e verde é cor terciaria. fica na paz

  • Gilberto  disse:

    Olá Onir…Boa tarde!
    Muito obrigado por seus estudos, me ajudou muito na compreenção da questão!…e das respostas aos comentários.Não vejo como rebater a estas respostas tão conclusivas a luz das escrituras sagradas!
    Mais uma vez, obrigado por os estudos, sem duvidas, foi inspirado por o Espirito Santo!!!!
    Fica na paz de nosso Senhor Jesus Cristo, Voce e toda a sua familia.

    • Onir Francisco Damas  disse:

      Prezado Gilberto
      Obrigado pelo contato e pelas palavras de estímulo;
      Da mesma forma como o Site é importante para você, divulgue ao máximo para que outras pessoas também sejam abençoadas;
      Fique na Paz de Jesus.
      Onir

  • Valdiomar  disse:

    Querido Onir, eu sou muito leigo, mas quanto a temática em evidência não vi dúvida quanto a três pessoas com características de Deus que inclusive não é nome…parabéns.
    Não sei se estou certo em concluir que é como se quando no antigo testamento é referido um único Deus, quer dizer na verdade uma única divindade, revelada no novo testamento como composta de três pessoas?
    Então dizer que só há um Deus é tão certo quanto dizer que só há uma única Divindade composta por três pessoas iguais em autoridade, essência e poder?

    • Onir Francisco Damas  disse:

      Prezado Valdiomar

      O Assunto referente a Trindade de Deus é por demais Enigmático, e somente com Discernimento podemos entendê-lo;

      No Velho Testamento a Trindade não estava ao alcance dos Judeus e por isso até hoje eles não conseguem admitir um Deus Trino;

      No Novo Testamento o Assunto é mais fácil de ser entendido conforme as colocações sobre o PAI, o Filho e o Espírito Santo;

      O mais intrigante do Enigma Trino está em entender a Unidade Trina;

      No meu Artigo o “ENIGMA DA TRINDADE”, eu procurei mostrar através da Natureza e com respaldo Bíblico que Deus é uma Trindade, porém não estamos em condições de entender perfeitamente, pela nossa humanidade, a “natureza” Espiritual;

      A “ESSÊNCIA” do Espírito não está ao alcance do nosso pleno entendimento;

      “Então dizer que só há um Deus é tão certo quanto dizer que só há uma única Divindade composta por três pessoas iguais em autoridade, essência e poder?”

      Minha resposta é: SIM!

      Fique na Paz de Jesus.

      Onir

  • Onir Francisco Damas  disse:

    Tenho recebido postagem contrária a Trindade e tenho debatido fora do Site, por entender que se trata de futilidades do Ego, e não contribuem para o Estudo Teológico:

    Procure entender que a Trindade não pode ser explicada por palavras humanas; No meu Artigo eu digo isso e vou repetir; Deus não está preocupado em dizer que é um Deus Trino; Por isso os Judeus não consideram a Trindade, e nem foi isso que os fez perder a Promessa, e sim a rejeição do Messias Prometido conforme as referências em Isaías 7: 14; Isaías 8: 8; Mateus 1: 23:

    Mateus

    1.23 Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho, e ele será chamado pelo nome de Emanuel (que quer dizer: Deus conosco).

    Preste Atenção; Deus conosco;

    Quando Jesus diz me foi dado todo o Poder, Ele está se referindo enigmaticamente quando na Sua Origem Eterna, por isso Ele é o Onipotente;

    Em face de Sua Encarnação Ele se submeteu a ser o Cordeiro para o Sacrifício antes da Fundação do Mundo, e desta forma ficou totalmente dependente do Onisciente – que Ele chama de Pai;

    Como os Judeus não tinham condições de entender que Ele faz parte da Trindade Divina, então procurou usar de sutilezas quanto a Sua condição Divina;

    Todos os Testos em que Jesus faz referência Ao Pai como sendo maior que Ele, foi em função do momento de Sua Encarnação, e para não provocar os Judeus e demais pessoas que não estavam em condições de entender que Ele faz parte de uma Trindade Enigmática Divina;

    Porém quando a sós com seus principais Discípulos, Ele se revelou ser Divino, conforme mais adiante eu contextualizo;

    Todos os debatedores contrários a Trindade apresentam argumentos em referências em que Jesus procurou mostrar que estava na Condição Humana para o Sacrifício Humano, e desta forma Jesus mostrou Sua dependência do Onisciente – o Pai.

    Os debatedores contrários a Trindade agem sob futilidades do Ego, sem se importar com o que diz, fazendo de Jesus um simples mortal, e mais, ignorando por completo a Pessoa do Espírito Santo;

    Lucas

    4.18 O Espírito do Senhor está sobre mim, pelo que me ungiu para evangelizar os pobres; enviou-me para proclamar libertação aos cativos e restauração da vista aos cegos, para pôr em liberdade os oprimidos:

    Jesus por si só encarnado não poderia fazer os Milagres que realizou, porém estava Ungido pelo Espírito Santo, a Pessoa Divina que lhe dava sustentação no Seu Projeto da Evangelização.

    No Reino Celestial existem duas categorias de Seres:

    – Os Divinos e Criadores

    – Os Angelicais – os Criados pelos Divinos.

    Desta forma se você NÃO considera Jesus Divino, então os seus argumentos sobre a Trindade colocam Jesus como um ser Angelical, bem como o Espírito Santo;

    Preste Atenção nos testos que os debatedores não apresentam:

    João

    1.1 No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.

    1.2 Ele estava no princípio com Deus.

    1.3 Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e, sem ele, nada do que foi feito se fez.

    1.4 A vida estava nele e a vida era a luz dos homens.

    1.5 A luz resplandece nas trevas, e as trevas não prevaleceram contra ela.

    O Verbo – Jesus – estava com Deus, não foi criado por Deus, faz parte de Deus.

    Todas as coisas foram feitas por Ele, dEle, para Ele;

    Preste atenção na Exegese e Hermenêutica Teológica da contextualização:

    Romanos

    11.36 Porque dele, e por meio dele, e para ele são todas as coisas. A ele, pois, a glória eternamente. Amém!

    Preste Atenção: Somente Deus é digno de Adoração, logo, Jesus é Divino;

    Para não deixar dúvidas de que Ele é Parte da Trindade:

    Colossenses

    1.15 Este é a imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação;

    1.16 pois, nele, foram criadas todas as coisas, nos céus e sobre a terra, as visíveis e as invisíveis, sejam tronos, sejam soberanias, quer principados, quer potestades. Tudo foi criado por meio dele e para ele.

    1.17 Ele é antes de todas as coisas. Nele, tudo subsiste.

    Agora preste atenção no que Jesus diz em relação a Sua Enigmática condição Divina, QUANDO A SÓS COM SEUS DISCÍPULOS:

    João

    14.8 Replicou-lhe Filipe: Senhor, mostra-nos o Pai, e isso nos basta.

    14.9 Disse-lhe Jesus: Filipe, há tanto tempo estou convosco, e não me tens conhecido? Quem me vê a mim vê o Pai; como dizes tu: Mostra-nos o Pai?

    10.30 Eu e o Pai somos um.

    Contextualizam com Emanuel – Deus conosco.

    Quando Jesus diz que o Pai era maior do que Ele, porque estava encarnado, sob condições Humanas;

    Jesus em Suas Pregações procurava mostrar a existência de um Deus que chamou de Pai, para Judeus que de maneira nenhuma entenderiam ser Ele – Jesus, parte desse Deus;

    Se compararmos os testos sobre os Assuntos tratados por mim e por defensores contrários à Trindade Divina poderá parecer que entram em contradições, porém os seus testos mostram Jesus encarnado, FALANDO para judeus, e os meus testos com Jesus Divino e parte da Trindade;

    Para entender o Assunto sobre possíveis contradições necessário se faz ler o Artigo “A BÍBLIA, JESUS E O ANTICRISTO”, no Site;

    Quando afirmo que a Trindade é Enigmática a começar pelo “FAÇAMOS” – Plural – em Genesis 1: 26, também se confirma pela referência em Isaías 6: 3:

    6.3 E clamavam uns para os outros, dizendo: Santo, santo, santo é o SENHOR dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória.

    O Texto está claro: Enigmaticamente três vezes Ele é Santo;

    Tanto antes como hoje a Trindade é um Assunto que requer discernimento.

    O PODER PERDOADOR DO SANGUE

    Por que o sangue dos animais sacrificados, no Antigo Testamento, tinha poder perdoador de pecados ? [Levítico 1: 4].

    A resposta a Bíblia nos mostra através de alguns versículos dos quais citarei 4 [quatro], e farei uma breve explanação sobre o assunto.

    Romanos 11: 36 diz: Porque dEle e por Ele, e para Ele, são todas as coisas; glória pois a Ele eternamente. Amem.

    João 1: 3: Todas as coisas foram feitas por Ele, e sem Ele nada do que foi feito se fez.

    João 1: 10: Estava no Mundo, e o Mundo foi feito por Ele, e o Mundo não O conheceu.

    Col 1: 16: Porque nEle foram criadas todas as coisas que há nos Céus e na Terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades: tudo foi criado por Ele e para Ele.

    O sangue dos animais tinha poder perdoador porque indiretamente era e é originariamente de JESUS, pois, todas as coisas foram criadas dEle, conforme os versículos citados. Ao ser consagrado o animal para o sacrifício, o sangue do mesmo assumia um poder perdoador individual e transitório, enquanto a pessoa não cometesse outro pecado. Por isso a constante prática do sacrifício – no Antigo Testamento.

    Foi necessário que o próprio Emanuel – Deus Conosco – JESUS assumisse a forma humana para que o Seu Sangue diretamente em sacrifício vivo e eficaz consagração anulasse o pecado para sempre em quem O aceita como Salvador Eterno.

    Cientificamente e Teologicamente a Vida está no sangue [Dt 12: 23] [Lv 17: 11].

    Sem derramamento de sangue em sacrifício vivo e eficaz consagração, não há remissão de pecados [Hebreus 9: 22].

    Não foi o Pai que derramou o seu Sangue; Não preciso dizer mais nada sobre Jesus e Sua Divindade;

    Desta forma sugiro reler o Artigo “O ENIGMA DA TRINDADE”. E ler o Artigo “A BÍBLIA, JESUS E O ANTICRISTO”, no Site;

    O Amor de Deus – Trino – é longânime, porém Sua Justiça tem Seus Limites, para com os de futilidades do Ego no trato Teológico;

    Fique na Paz de Jesus.

    Onir

Comente

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>