O ENIGMA DAS 2300 TARDES E MANHÃS

INTRODUÇÃO

“Paz seja convosco ,

Sr Onir é realmente impressionante suas declarações; Tenho lido alguns Assuntos e é maravilhosa a sua técnica de abordar o Assunto; Há poucos anos venho estudando a Palavra, e deparei com algo muito complexo que é as 2300 tardes e manhãs de Daniel; Por meio deste gostaria de sugerir se possível um breve Estudo do mesmo, e que Deus abençoe a sua vida.”

Diante da sugestão do Leitor do Site, resolvi  OUSAR  sobre o Capítulo 8 do Livro do  Profeta Daniel:

Almeida Revista e Atualizada

Daniel

8.1   No ano terceiro do reinado do rei Belsazar, eu, Daniel, tive uma visão depois daquela que eu tivera a princípio.

8.2   Quando a visão me veio, pareceu-me estar eu na cidadela de Susã, que é província de Elão, e vi que estava junto ao rio Ulai.

8.3   Então, levantei os olhos e vi, e eis que, diante do rio, estava um carneiro, o qual tinha dois chifres, e os dois chifres eram altos, mas um, mais alto do que o outro; e o mais alto subiu por último.

Preste Atenção: O carneiro simboliza o Rei Dario; Os dois chifres simbolizam a Média e a Pérsia; A Pérsia simboliza o Chifre mais alto de onde Dario Governava;

8.4   Vi que o carneiro dava marradas para o ocidente, e para o norte, e para o sul; e nenhum dos animais lhe podia resistir, nem havia quem pudesse livrar-se do seu poder; ele, porém, fazia segundo a sua vontade e, assim, se engrandecia.

Preste Atenção: Trata-se de Dario o último dos influentes  Monarcas Persas.

8.5   Estando eu observando, eis que um bode vinha do ocidente sobre toda a terra, mas sem tocar no chão; este bode tinha um chifre notável entre os olhos;

Bode = Símbolo de figura satânica amplamente representada por Sociedades Secretas;

 

Fazer Pesquisa no Google sob o Título: Bode como símbolo de figura satânica.

 

“mas sem tocar no chão” – por quê? –  Porque se trata de um fenômeno  SOBRENATURAL  de poder espiritual, porém de procedência maligno,  que acompanha o bode;

“chifre notável entre os olhos” =símbolo de  poder humano,  e maligno, pelo fato de não tocar no chão. Continue lendo que mais adiante irá entender o porquê!

Preste Atenção: Trata-se de Alexandre, o Grande.

PRESTE ATENÇÃO:

Chifre em Teologia Bíblica simboliza PODER HUMANO, ou ESPIRITUAL, ou uma combinação dos dois em conjunto, de certa forma associados, conforme a composição do Enigma;

PENSE NISSO:

Segundo relatos a Mãe de Alexandre era uma Feiticeira, conforme informações postadas no endereço eletrônico a seguir:

http://www.portuskale.org/historia/alexandre.html

8.6   dirigiu-se ao carneiro que tinha os dois chifres, o qual eu tinha visto diante do rio; e correu contra ele com todo o seu furioso poder.

Que  furioso poder?

–  Poder sobrenatural, porem de procedência maligna;

 – Alexandre tinha  cerca de  40 mil homens  contra  Dario que tinha um Exército  5 vezes maior, além de uma cavalaria em número igual a todo o Exercito de Alexandre;

DOIS CHIFRES = Dois poderes Humanos caracterizado pela Média e Pérsia.

8.7   Vi-o chegar perto do carneiro, e, enfurecido contra ele, o feriu e lhe quebrou os dois chifres, pois não havia força no carneiro para lhe resistir; e o bode o lançou por terra e o pisou aos pés, e não houve quem pudesse livrar o carneiro do poder dele.

Preste Atenção: Alexandre com cerca de 40 mil homens derrota os Persas sob o Reinado de Dario que tinha um Exercito de cerca de 200 mil homens e uma cavalaria de cerca de 40 mil,  e segue conquistando grande Parte do Território Europeu, Oriental  e Asiático daquela Época;

http://osaquemenidas.blogspot.com.br/2010/03/dario-iii-336-330-ac-parte-ii.html

Segundo outros Historiadores Dario contava com um número muito maior, como 500 mil homens em armas e cavalos, porém prefiro o primeiro efetivo que já dá uma real dimensão da desproporção de forças de Guerra;

8.8   O bode se engrandeceu sobremaneira; e, na sua força, quebrou-se-lhe o grande chifre, e em seu lugar saíram quatro chifres notáveis, para os quatro ventos do céu.

Preste Atenção = quatro chifres notáveis; quatro poderes humanos notáveis.

Preste Atenção: O Bode simbolizou  o General Alexandre da Macedônia; Os quatro chifres  notáveis simbolizaram  os Generais Ptolomeu, Cassandro, Lisímaco e Selêuco. que sucederam ao General Alexandre com sua morte, e dividiram o Império conquistado;

8.9   De um dos chifres saiu um chifre pequeno  e se tornou muito forte para o sul, para o oriente e para a terra gloriosa.

“terra gloriosa” = Região da Judéia e principalmente a Cidade de Jerusalém.

Preste Atenção: Alguns Tradutores consideram o seguinte: “de um deles” saiu um chifre pequeno,  e não de um dos chifres saiu um  chifre pequeno.

Preste Atenção: De qual Chifre Notável, então,  saiu o Chifre Pequeno?

Resposta: o detalhe da “terra gloriosa”, citada na Profecia,  é a orientação para indicar a origem do chifre pequeno.

A História nos mostra que o Poder Humano que após a morte de Alexandre  e que ocupou a Terra Gloriosa – Jerusalém – foi o General Selêuco simbolizado por um dos  Chifres Notáveis ;

Desta forma o Chifre Pequeno  originário indiretamente do Grande Chifre Maligno  de  Alexandre simboliza o Poder Humano e Maligno do Rei Antíoco Epifânio , Oitavo da Dinastia Selêucida , que se tornou de certa forma forte e a História mostra que dominou  a Terra Gloriosa – Jerusalém –

–  Antíoco Epifânio foi um rei selêucida  ( da dinastia de Selêuco ) – que  como membro desta dinastia de reis,  tinha como Sede de Governo  a Síria de 175 AC até 163 AC;

8.10   Cresceu até atingir o exército dos céus; a alguns do exército e das estrelas lançou por terra e os pisou.

– “exército dos céus”  = simboliza o Povo Judeu;  “e das estrelas”, simboliza os Sacerdotes, representantes humanos do Reino de Deus na Terra naquela Época;

–  Antíoco Epifânio quis Helenizar os Judeus proibindo o Culto e os costumes Religiosos do Judaísmo  sob pena de morte;

–  Antíoco Epifânio profanou o Templo sacrificando uma porca sobre o Altar, sendo um ferrenho opressor do Judaísmo.

– De acordo com as informações do historiador judeu Flávio Josefo milhares de Judeus foram assassinados por ordem de Antíoco Epifânio na sua opressão aos Costumes e ao Culto Judaico;

– Foi militarmente derrotado pelos Macabeus e o Templo foi purificado em 165 AC; Os Macabeus  Governaram a Terra Gloriosa – Jerusalém, até o ano de 64 AC, quando os Romanos conquistaram  a Judéia;

–  Segundo informações históricas Antíoco Epifânio morreu de causa natural em 163 AC, isto é, sem esforço de mãos humanos, ASSIM COMO, Alexandre;

Sem esforço de mãos humanas é um detalhe importantíssimo  no esclarecimento do Enigma;

PENSE NISSO:

Antíoco Epifânio foi um Tipo de ANTICRISTO, por isso o seu destaque  simbolizado pelo Chifre Pequeno do poder humano e maligno, em relação a Terra Gloriosa;

Preste Atenção que o Chifre pequeno cresceu, isto é, o PODER HUMANO  e Maligno passou para os Romanos em 64 AC, quando o Império Romano invadiu e passou a Governar aquela Região;

8.11   Sim, engrandeceu-se até ao príncipe do exército; dele tirou o sacrifício diário e o lugar do seu santuário foi deitado abaixo.

Sim = expressão enigmática chamando à atenção para uma nova seqüência na ação do Enigmático Chifre Pequeno;

Preste Atenção que o Chifre Pequeno cresceu, isto é, o PODER HUMANO  e Maligno passou para os Romanos em 64 AC, quando o Império Romano invadiu e passou a Governar aquela Região;

“dele tirou o sacrifício diário e o lugar do seu santuário foi deitado abaixo” = Antíoco Epifânio não destruiu o Templo, lugar do Santuário, logo, trata-se do Império Romano;

Preste Atenção que o Chifre Pequeno sob a ação do Império Romano engrandeceu-se a ponto de acabar com o Sacerdócio Judaico,  acabou com o SACRIFÍCIO DIÁRIO e destruiu o Templo de Jerusalém, em 70 DC;

8.12   O exército lhe foi entregue, com o sacrifício diário, por causa das transgressões; e deitou por terra a verdade; e o que fez prosperou.

Preste Atenção que o “exército” se refere ao Povo Judeu, e todos os Sacerdotes que faziam os sacrifícios diários,  por causa das transgressões em relação a rejeição e Morte do Messias – Jesus;

Preste Atenção:  “deitou por terra a verdade” = A Verdade, enigmaticamente,  se refere a Obra do Reino de Deus aqui na Terra que foi  interrompida em relação ao Templo – Santuário – de  Israel, a partir de 70 DC.

“e o que fez prosperou” = O Império Romano durou até o ano de 1453 DC.

8.13   Depois, ouvi um santo que falava; e disse outro santo àquele que falava: Até quando durará a visão do sacrifício diário e da transgressão assoladora, visão na qual é entregue o santuário e o exército, a fim de serem pisados?

“Depois” = expressão Enigmática  mostrando que a Profecia anterior foi interrompida e estendida para uma Época mais distante, porém envolvendo a Obra do Reino de Deus no que diz respeito a um Novo Santuário e Sacrifício Diário.

Preste Atenção: Neste ponto da Profecia o Anjo pergunta sobre sacrifício diário e profanação do Templo junto com os Sacerdotes, quando na referência anterior o Templo já tinha sido destruído, logo, trata-se do Terceiro Templo a ser construído durante a Grande Tribulação, por isso a expressão enigmática “DEPOIS”.

A Profecia não pode ser estudada de forma Literal cronologicamente, e sim de forma Enigmática em relação aos acontecimentos apresentados ( Números 12: 8 ).

8.14   Ele me disse: Até duas mil e trezentas tardes e manhãs; e o santuário será purificado.

“e o santuário será purificado” = que Santuário?! Só pode ser o que vai ser construído durante a Grande Tribulação. Segundo amplas informações de fontes  fidedignas  existem em Israel preparativos  para a construção do Novo Templo;

http://noticias.gospelprime.com.br/terceiro-templo-israel-levitas-sacrificios/

Preste Atenção: Os Judeus contavam o início do dia começando pelo período de 18 horas da  tarde, indo até às 6 horas da manhã e terminando novamente às 18 horas da tarde;              

Preste Atenção: O fato da Profecia ser específica em citar o ciclo diário é uma indicação que não pode ser confundida com dia/ano, conforme outras Profecias, e sim trata-se de 2300 dias corridos de 24 horas;

Preste Atenção: 2300 dias dividido por 365 dias é igual a 6 anos, 3 meses e 20 dias; A Grande Tribulação vai durar 7 anos, e 2300 dias está incluído no Período da Grande Tribulação.

Os judeus contavam o ano como de 360 dias, porém o Mistério foi revelado por Deus, que criou o Tempo de 365 dias para o período de um Ano, logo, o certo é dividir por 365 dias.

Coincidências à parte 6 anos, 3 meses e 20 dias, somados os numerais temos:

6 + 3 + 2 = 11 – Ver o Artigo “O ENIGMÁTICO E PROFÉTICO NÚMERO 11”, no Site.

Preste Atenção: O único Santuário que poderá ser Purificado é o que ainda  será construído   durante a Grande Tribulação; O Primeiro foi destruído por Nabucodonosor, em 586 AC; O Segundo foi destruído pelos Romanos em 70 DC; Existe a Profecia da construção do Terceiro que não será destruído, mas Profanado pelo Anticristo,  e Purificado pelo Messias – Jesus.

Preste Atenção: A Grande Tribulação está prevista para durar 7 anos a partir do Arrebatamento dos Salvos em Cristo Jesus, porém o Anticristo terá  8 meses e 10 dias para se apossar da situação completando  com  6 anos, 3 meses e 20 dias a Profecia  da última Semana de 7 anos de Daniel 9: 27;

Somando os dois Períodos de Tempo temos 7 anos;

6 anos, 3 meses e 20 dias somados a 8 meses e 10 dias temos 7 anos.

8.15   Havendo eu, Daniel, tido a visão, procurei entendê-la, e eis que se me apresentou diante uma como aparência de homem.

8.16   E ouvi uma voz de homem de entre as margens do Ulai, a qual gritou e disse: Gabriel, dá a entender a este a visão.

8.17   Veio, pois, para perto donde eu estava; ao chegar ele, fiquei amedrontado e prostrei-me com o rosto em terra; mas ele me disse: Entende, filho do homem, pois esta visão se refere ao tempo do fim.

filho do homem = todos os nascidos após a Queda de Adão ( Daniel 8: 17 ) (Hebreus 2: 6 );

filho de Deus = todos os nascidos antes da queda de Adão e os que aceitam Jesus como único e Eterno Salvador, sendo irmãos em Cristo ( Gênesis 6: 2 ) ( João 1: 12 );

Filho do Homem = Jesus encarnado 100% homem e 100% Divino pela Unção do Espírito Santo ( Lucas 11: 30 ) ( João 3: 14 );

Filho de Deus = Jesus, o  Onipotente  como Parte da Trindade de Deus ( Mateus 4: 3) ( João 11: 27 );

 

Tempo do fim = toda a Profecia apesar de conter detalhes a partir de 323 AC,  quando Alexandre morreu, envolve detalhes enigmáticos ao longo da História do Judaísmo, detalhes ao  longo da História do Cristianismo, e termina com a afirmação sobre o Tempo do Fim, isto é, o Período da Grande Tribulação.

8.18   Falava ele comigo quando caí sem sentidos, rosto em terra; ele, porém, me tocou e me pôs em pé no lugar onde eu me achava;

 8.19   e disse: Eis que te farei saber o que há de acontecer no último tempo da ira, porque esta visão se refere ao tempo determinado do fim.

Preste Atenção: Último tempo da Ira será a Grande Tribulação, corroborando com a afirmação do Anjo que se refere ao Tempo do Fim;

Preste Atenção: O Tempo do Fim contextualiza  com a afirmação em Daniel 12: 1; Marcos 13: 19:

Daniel

12.1   Nesse tempo, se levantará Miguel, o grande príncipe, o defensor dos filhos do teu povo, e haverá tempo de angústia, qual nunca houve, desde que houve nação até àquele tempo; mas, naquele tempo, será salvo o teu povo, todo aquele que for achado inscrito no livro.

Marcos

13.19   Porque aqueles dias serão de tamanha tribulação como nunca houve desde o princípio do mundo, que Deus criou, até agora e nunca jamais haverá.

“Haverá homens que desmaiarão de terror  pela expectativa das coisas que sobrevirão ao mundo, pois os poderes dos céus serão abalados” = Lucas 21: 26. – Grande Tribulação !!!

Preste Atenção: Na seqüência Final da Profecia, o  Anjo foi enfático em dizer que as 2300 tardes e manhãs se referem ao tempo do fim, logo, fica evidente que está inserida  no Período da Grande Tribulação;

O Anjo Gabriel continua a explicação para Daniel:

8.20   Aquele carneiro com dois chifres, que viste, são os  reis  da Média e da Pérsia;

Preste Atenção: Trata-se da confirmação de Dario o último monarca da Média e da Pérsia.

8.21   mas o bode peludo é o rei da Grécia; o chifre grande entre os olhos é o primeiro rei;

Preste Atenção: Trata-se da confirmação do General Alexandre, o Grande.

8.22   o ter sido quebrado, levantando-se quatro em lugar dele, significa que quatro reinos se levantarão deste povo, mas não com força igual à que ele tinha.

Preste Atenção: Trata-se da confirmação dos quatro Generais Ptolomeu, Cassandro, Lisímaco e Selêuco.

8.23   Mas, no fim do seu reinado, quando os prevaricadores acabarem, levantar-se-á um rei de feroz catadura e especialista em intrigas.

“Quando os prevaricadores acabarem” = expressão enigmática  de que o Império Grego acabou dando lugar ao Império Romano;

Levantar-se-á = expressão Enigmática de que o poder maligno do pequeno chifre que ficou inerte pela ação dos Macabeus, levantar-se  no Império Romano;

Preste Atenção: Na explicação do Anjo Gabriel para Daniel ele não cita o Pequeno Chifre; Ele resume, ENIGMATICAMENTE,  que  o Império Romano em 64 AC  conquistou e assumiu  o PODER HUMANO  e “maligno” do Pequeno Chifre;

Preste Atenção que o “móvel” da Profecia está focada na Terra Gloriosa, em relação ao Pequeno Chifre, cujo poder humano e maligno passou para o Império Romano.

8.24   Grande é o seu poder, mas não por sua própria força; causará estupendas destruições, prosperará e fará o que lhe aprouver; destruirá os poderosos e o povo santo.

“mas não por sua própria força” = expressão enigmática que mostra o poder maligno do Estrategista do Mal agindo no poder humano do Império Romano;

Preste Atenção: O  Império Romano  sob  a influência do Estrategista do Mal – poder maligno –  prosperará e fará o que lhe aprouver;

‘destruirá os poderosos e o povo santo” = Na seqüência dos acontecimentos dominará grande parte do  Mundo e destruirá Jerusalém, como aconteceu em 70 DC, pelo General Tito, e 132 a 135 DC pelo General  e Imperador Adriano;

8.25   Por sua astúcia nos seus empreendimentos, fará prosperar o engano, no seu coração se engrandecerá e destruirá a muitos que vivem despreocupadamente; levantar-se-á contra o Príncipe dos príncipes, mas será quebrado sem esforço de mãos humanas.

“destruirá a muitos que vivem despreocupadamente” = Pesquisar sobre as Guerras de Conquistas do Império Romano;

“mas será quebrado sem esforço de mãos humanas” = O que será quebrado?!

Como se trata de uma explicação Teológica, simbolicamente o Anjo está se referindo ao Chifre – simbolicamente poder humano e maligno.

Observe que o Anjo Gabriel encerra a explicação da Profecia com uma expressão Enigmática referente a algo que será quebrado, logo, trata-se do ENIGMÁTICO CHIFRE:

ENIGMÁTICO CHIFRE = poder humano e maligno que começou pelo Chifre Pequeno;

Chifre Pequeno – poder humano e maligno – que teve início no Império Grego,  cresceu sob o domínio do Império Romano, influenciado pelo Estrategista do Mal, que encarnará no Anticristo durante a Grande Tribulação, e que será quebrado sem esforço de mãos humanas, isto é,  pela Misteriosa  Volta do Messias;

PRESTE ATENÇÃO:

Na seqüência dos  acontecimentos  Mundiais o Chifre Pequeno sob a influência do Estrategista do Mal, que começou com a Dinastia de Selêuco, em 312 AC, engrandeceu-se com o domínio Romano,  a partir de 64 AC, e  que conforme 2ª Tessalonicenses 2: 1 a 12 operava, opera e vai operar, se revelará, na pessoa do ANTICRISTO, e durante a Grande Tribulação, de certa forma através do “ressurgido” Poder que tinha o Império Romano,  conforme Apocalipse Capítulo 13,  quando o Novo Templo for construído, TOMARÁ  o Lugar do Sumo Sacerdote, e exigirá ser adorado como um deus, porém o Messias  – JESUS – voltará e o destruirá, sem esforço de mãos humanas.

Ver como morre o ANTICRISTO, sem esforço de mãos humanas no Artigo “O  OITAVO REI – APOCALIPSE 17: 11”, no Site.

8.26   A visão da tarde e da manhã, que foi dita, é verdadeira; tu, porém, preserva a visão, porque se refere a dias ainda mui distantes.

“é verdadeira” =  A ênfase tem o sentido de mostrar que se trata de um período de 24 horas, e não de um ano, ISTO É, 2300 dias;

Preste Atenção: A Profecia das 2300 tardes e manhãs, isto é, 6 anos, 3 meses, e 20 dias somente se encaixa dentro do Período de 7 anos da Grande Tribulação; Não existe nenhuma  OUTRA contextualização que melhor se harmonize com 2300 dias;

“porque se refere a dias ainda mui distantes” = o Anjo Gabriel não deixa dúvidas ao afirmar que se refere a  dias, e mais,  a  dias mui distantes, logo, se encaixa na contextualização do Tempo da Ira, isto é, Grande Tribulação;

A ênfase da expressão “dias”  não deixa dúvidas sobre o dia de 24 horas;

Considerar que 2300 se refere a 2300 anos, e  dizer que Jesus já restaurou o Santuário no Céu em 1844 DC  é forçar uma interpretação equivocada, como afirma um Sistema Religioso;

Desde 1844 até hoje tudo continua como antes e a descaracterização do Cristianismo aumentando, logo, não tem sentido qualquer interpretação nesse sentido;

Jesus ao afirmar na Cruz do Calvário que estava Consumado Seu Sacrifício deixou evidente que Ele não precisaria esperar até 1844 para entrar em Santuário no Céu;

Causa-me espanto que Ele – JESUS – O ONIPOTENTE – DIVINO – não seja considerado como Tal, pela interpretação equivocada, a ponto de ter que esperar no Reino Celestial um procedimento Religioso, como humanamente conhecemos;

8.27   Eu, Daniel, enfraqueci e estive enfermo alguns dias; então, me levantei e tratei dos negócios do rei. Espantava-me com a visão, e não havia quem a entendesse.

O CHIFRE PEQUENO E AS  2300  TARDES E MANHÃS

Todo o Capítulo 8 do Livro do Profeta Daniel  está envolto em dois Grandes  Enigmas:

O ENIGMA  DO CHIFRE PEQUENO:

Quando observamos a Profecia podemos entender que existe um Mistério envolvendo a  citação do Chifre Pequeno;

Segundo a Profecia  o General  Selêuco ficou com a Região que dominou a Terra Gloriosa – Jerusalém – citado pela referência:

8.9   De um dos chifres saiu um chifre pequeno e se tornou muito forte para o sul, para o oriente e para a terra gloriosa.

A Citação de que saiu um chifre pequeno oriundo dos Quatro Grandes  tem o sentido de mostrar que o Estrategista do Mal visando a perseguição e destruição da Obra do Reino de Deus usou a Dinastia de Selêuco para atingir a Terra Gloriosa no seu intento maligno;

Preste Atenção que toda a Profecia está focada na Terra Gloriosa, e particularmente a Cidade de Jerusalém e o Templo;

O fato da Profecia começar com um Poderoso Chifre que originou  quatro grandes Chifres e restarem apenas um pequeno proveniente dos quatro  e  esse pequeno envolver a Terra Gloriosa, tem sentido Enigmático/Profético/Espiritual/sobrenatural;

O Estrategista do Mal encontrou em Antíoco Epifânio, o oitavo Rei da seqüência da Dinastia Selêucida,  as condições para desenvolver seu propósito maligno contra a Obra do Reino de Deus, conforme nos mostra a História em relação aos Judeus, sua perseguição e profanação do Segundo Santuário;

Coincidências à parte o fato de Antíoco Epifânio ser o OITAVO Rei da Dinastia Selêucida, e morrer sem esforço de mãos humanas,  chama à atenção para  o  ANTICRISTO  – “O Oitavo Rei – Apocalipse 17: 11” – Ver Artigo no Site;

Desta forma não é exagero afirmar que Antíoco Epifânio foi um Tipo de Anticristo;

O Pequeno Chifre simbolizou o poder humano e maligno influenciado pelo  Estrategista do MAL.

Na Tipologia Bíblica temos que TIPO é uma relação representativa pré-ordenada que certas pessoas, eventos, objetos e instituições têm com pessoas, eventos e instituições correspondentes que ocorrem numa Época posterior na História da Salvação.

Anti-Tipo é o cumprimento da pré-figuração

O Estrategista do Mal precisa do Poder Humano para desenvolver suas ações malignas contra a Obra do Reino de Deus, e desta forma o Império Romano foi decisivo na continuação das ações iniciadas pelo Pequeno Chifre que se tornou forte, dominador, destruidor, e por fim contaminou e descaracterizou a Obra do Reino de Deus, através do Imperador Constantino a partir de 313 DC, conforme nos mostra a História  do Cristianismo que se seguiu.

Símbolo Bíblico: Algum objeto ou algo material representando verdades espirituais;

Diante das demais Profecias do Profeta Daniel que, enigmaticamente, contextualizam com o Pequeno Chifre até a Grande Tribulação,  o Leitor deverá ler os seguintes Artigos:

O ENIGMA DO SETENTA

O PROFÉTICO E ENIGMÁTICO ARREBATAMENTO DA IGREJA

O ENIGMA DA GRANDE TRIBULAÇÃO

O ANTICRISTO

O PROFÉTICO  REINO MILENIAL

A ORIGEM DO MAU

O OITAVO REI – APOCALIPSE  17: 11

Entre Outros…

O ENIGMA DAS  2300  TARDES E MANHÃS

Eu tenho enfatizado em alguns Artigos o seguinte:

A Teologia é a Ciência dos Enigmas de Deus;

A Bíblia é o Livro Teológico que contem toda a Verdade, porém encoberta por Enigmas, e revelados por Deus em ocasião própria segundo o Seu propósito ( Números 12: 8 ):

Números

12.8   Boca a boca falo com ele, claramente e não por enigmas; pois ele vê a forma do SENHOR; como, pois, não temestes falar contra o meu servo, contra Moisés?

Querer estudar a Bíblia apenas de forma Literal tem sido o motivo de inúmeros equívocos e heresias; Porém existem passagens que além do seu conteúdo Enigmático, está  na forma Literal; Discernimento é importante para entender o que é literal e o que é Enigmático.

Preste Atenção que a citação das 2300 tardes  e manhãs está evidenciando um ciclo de  Dia de 24 horas na contagem do tempo pelo Judeus da  Época, logo, trata-se literalmente de dias e não de anos;

Outro detalhe a ser observado é que sua citação – 2300 tardes e manhãs – encerra a Profecia  mostrando ser um acontecimento de um Período de Tempo, inserido no Tempo do Fim da Ira de Deus;

Este Tempo do Fim da Ira de Deus não deixam dúvidas que se trata da Grande Tribulação;

PENÍNSULA ITÁLICA

Em 336 AC  quando Alexandre assumiu o Trono Grego, a Península Itálica e a Cidade de Roma não possuíam importância Militar e nem Econômica, bem como não foi alvo da conquista de Alexandre;

Detalhe nesse sentido está no fato do Latim não ter sido influenciado pelo idioma Grego; Entretanto todos os Teólogos são unânimes em reconhecer a importância da Helenização pelo idioma Grego do vasto Território conquistado por Alexandre, e que possibilitou a divulgação do Evangelho pelos adeptos da Igreja de Cristo;

A Cidade de Roma cresceu independente do domínio Grego e somente começou a ter importância como Poder Militar a partir de 275 AC, quando dominou as Cidades Gregas ao Sul da Península Itálica;

Desta forma a partir de 275 AC Roma iniciou o seu Período de Conquista que culminou com a conquista da Judéia e da Cidade de Jerusalém, em 64 AC;

Em 64 AC o Poder do Chifre Pequeno, sob a influência do Estrategista do Mal, dá continuidade a Profética Ação do Anticristo, sob o poder Humano do Império Romano, que se estendeu até o ano de 1453 DC, com a Queda de Constantinopla.

http://br.ask.com/wiki/Anexo:Cronologia_da_Roma_Antiga?lang=pt&o=2801&ad=doubleDownan=apnap=ask.com

 O ANTICRISTO

De acordo com a Profecia de Daniel 9: 27  a Grande Tribulação será de  7 anos; Este Período de 7 anos está dividido em duas partes de 3 anos e meio;
Daniel

 9.27   Ele fará firme aliança com muitos, por uma semana; na metade da semana, fará cessar o sacrifício e a oferta de manjares; sobre a asa das abominações virá o assolador, até que a destruição, que está determinada, se derrame sobre ele.

Na Primeira Parte de 3 anos e meio o Anticristo se apresentará como Amigo de Israel;

Alexandre, o Grande, apresentou-se como Amigo de Israel quando da conquista da Judéia e entrou em Jerusalém como Amigo, fazendo concessões e até participando do Culto Judaico, no Templo, conforme relata o Historiador judeu Flávio Josefo, em sua Obra A HISTÓRIA DOS HEBREUS, página 274, capítulo 8, livro décimo primeiro – Obra Completa – CPAD.

A Profecia de Daniel Capítulo 8: 1 a 8 inicialmente nos mostra que Alexandre, o Grande, é um TIPO de ANTICRISTO, na Primeira fase da Profecia de Daniel 9: 27, quando o ANTICRISTO  se apresentará como

Governante do Mundo, e como Amigo dos Judeus;

Alexandre, simbolizado pelo Chifre Grande, após conquistar grande parte do Mundo, morreu aos 33 anos, sem esforço de mãos humanas, conforme simbolicamente será quebrado o Chifre que caracteriza o Profético ANTICRISTO.

 

Coincidências  à parte, Alexandre como Tipo de Anticristo, viveu até aos 33 anos de idade, isto é,  mesma idade do Cristo Jesus –  cerca de 33 anos;

Na Segunda Parte de 3 anos e meio o Anticristo se REVELARÁ e profanará o Templo construído durante a Grande Tribulação, perseguirá todos os seus opositores, principalmente os Judeus;

A Profecia de Daniel Capítulo 8: 9 e 10  nos mostra a continuação da Ação Profética e Enigmática do ANTICRISTO simbolizado pelo Chifre Pequeno que saiu indiretamente do Chifre Grande de Alexandre;

Na continuação da segunda parte da Profecia de Daniel 9: 27 esse Chifre Pequeno simboliza o Rei Antíoco Epifânio que dominou a Terra Gloriosa e foi um ferrenho opositor do Judaísmo, Profanou o Templo, sacrificando uma porca no Altar de Sacrifício, e assassinou milhares de Judeus que não aceitaram apostatar da Fé Judaica;

Precisa ficar entendido que a Profecia de Daniel Capítulo 8: 1 a 27 é uma Mensagem Enigmática envolvendo o que aconteceu, está acontecendo e acontecerá, envolvendo a Obra do Reino de Deus.

O IMPÉRIO ROMANO E O ANTICRISTO

A Profecia de Daniel Capítulo 8: 1 a 27  sobre o Profético ANTICRISTO começou com o Império Grego através de Alexandre e Antíoco Epifânio, e ficou interrompida conforme a referência de Daniel 8: 22, porém a ação do ANTICRISTO continuou através do Império Romano conforme nos mostra o seguimento da explicação do Anjo Gabriel a partir da referência de Daniel 8: 23;

O Império Grego, através de Alexandre teve início a partir de 336 AC quando assumiu o Trono da Macedônia e desencadeou uma Guerra de Conquista que culminou com um vasto Império, até que morreu na Cidade de Babilônia em 323 AC, sem esforço de mãos humanas, porém seus quatro principais Generais continuaram mantendo o Império Grego, até que foram dominados pelos Romanos;

A Ação do Império Grego em relação ao Profético ANTICRISTO durou até o ano de 165 AC quando os Macabeus derrotaram a Dinastia Selêucida;

A ação do Profético ANTICRISTO através do Império Romano na Terra Gloriosa teve início em 64 AC, quando o General Romano Pompeu conquistou a Judéia, entrou em Jerusalém, e Profanou o Templo de Jerusalém; A Ação do Profético e Enigmático Anticristo através do Império Romano  se estendeu até o ano de 1453 DC, com a Queda de Constantinopla.

Após ser derrotado pelo General Julio Cesar na disputa pelo Poder de Roma, o General Pompeu foi assassinado em 48 AC no Egito onde havia se refugiado; É desnecessário relatar  que o Império Romano apesar de todas as conquistas teve uma História desastrosa em relação às suas Lideranças;

A partir da Queda de Constantinopla a ação do Profético ANTICRISTO que segunda a Profecia de Tessalonicenses 2: 1 a 17 operava, agora  “OPERA”  através dos  DIVERSOS SISTEMAS  que atuam no Mundo;

O Profético ANTICRISTO está  ESPERANDO o momento certo para se REVELAR, quando o Espírito Santo que o detém será afastado até que o Plano de Deus se cumpra em relação à Grande Tribulação, culminando com a Volta de Jesus para dar início ao Reino Milenial:

 2ª Tessalonicenses

2.3   Ninguém, de nenhum modo, vos engane, porque isto não acontecerá sem que primeiro venha a apostasia e seja revelado o homem da iniqüidade, o filho da perdição,

Trata-se do aparecimento do ANTICRISTO.

2.4   o qual se opõe e se levanta contra tudo que se chama Deus ou é objeto de culto, a ponto de assentar-se no santuário de Deus, ostentando-se como se fosse o próprio Deus.

Santuário de Deus = o Terceiro Templo a ser construído durante a Grande Tribulação.

2.5   Não vos recordais de que, ainda convosco, eu costumava dizer-vos estas coisas?

2.6   E, agora, sabeis o que o detém, para que ele seja revelado somente em ocasião própria.

E, agora, sabeis o que o detém = o que detém o ANTICRISTO é o Espírito Santo;

 

Ocasião própria = Durante a Grande Tribulação.

2.7   Com efeito, o mistério da iniqüidade já opera e aguarda somente que seja afastado aquele que agora o detém;
Já opera = expressão enigmática relacionada com as ações do Estrategista do Mal caracterizadas pelo ANTICRISTO simbolizado pelos personagens citados neste Artigo, começando por Alexandre – O Grande.

2.8   então, será, de fato, revelado o iníquo, a quem o Senhor Jesus matará com o sopro de sua boca e o destruirá pela manifestação de sua vinda.

Preste atenção: sem esforço de mãos humanas.

2.9   Ora, o aparecimento do iníquo é segundo a eficácia de Satanás, com todo poder, e sinais, e prodígios da mentira,

Ver detalhes no Artigo “O ENIGMA DA GRANDE TRIBULAÇÃO”, no Site;

Precisa ficar entendido que Deus usa a expressão ‘CHIFRE’ quando enigmaticamente se refere ao Poder Humano sob influência Espiritual que pode ser Bendita ou Maligna;

No caso do Império Grego envolvendo a figura de Alexandre e Antíoco Epifânio,  foi característica em relação ao Profético ANTICRISTO, em relação aos acontecimentos da 70ª Semana de Daniel, sendo Alexandre simbolizando o Anticristo  durante a primeira metade da Semana, e Antíoco Epifânio simbolizando o Anticristo na segunda metade;

No caso da Ação do Profético e Enigmático Anticristo em relação ao Império Romano teve início através do General Pompeu com sua atitude de entrar na área do Templo em Jerusalém  e adentrar com seus Oficiais no Santo dos Santos, considerado uma Profanação pelos Judeus, em 64 AC.

CONCLUSÃO

Expressões Enigmáticas que são fundamentais na elucidação da Profecia, e que devem ser observadas pelo Leitor, no segmento:

Bode = Símbolo de figura satânica amplamente representada por Sociedades Secretas;

“sem tocar no chão” = fenômeno  SOBRENATURAL  de poder espiritual, porém maligno,  que acompanha o bode;

CHIFRE = em Teologia Bíblica simboliza PODER HUMANO, ou ESPIRITUAL, ou uma combinação dos dois em conjunto, de certa forma associados, conforme o Enigma apresentado;

Chifre Pequeno  =  originário do Grande Chifre Maligno  simboliza o Poder Humano e Maligno  que se manifestou no  Rei Antíoco Epifânio , Oitavo da Dinastia Selêucida , que se tornou de certa forma forte e a História mostra que dominou  a Terra Gloriosa – Jerusalém.

Sem esforço de mãos humanas = morte do Anticristo.

Precisa ficar entendido que minha interpretação sobre a figura de Alexandre se baseia no aspecto Teológico que a Profecia mostra;

Quanto ao aspecto da figura militar e estrategista  de Guerra de sua época não resta a menor dúvida que Alexandre  é considerado o maior General  da Antiguidade, pelos analistas do Assunto.

CONCLUSÃO FINAL

 O Império Romano terminou em 1453 com a Queda de Constantinopla, isto é, ficou interrompido  o Poder Humano e Maligno  do Pequeno Chifre, mas continuou a descaracterização do Cristianismo, como se observa até hoje, misteriosamente;

O Poder Humano do Pequeno Chifre através do Império Romano  RESSURGIRÁ  com a ascensão do poder espiritual  maligno caracterizado pelo ANTICRISTO, apoiado por Dez Chifres da Besta de Apocalipse 13, durante a Grande Tribulação;

Dez Chifres da Besta = Dez Nações oriundas do Antigo Império Romano.

O Artigo “O OITAVO REI – APOCALIPSE 17: 11”  mostra que o ANTICRISTO  não será nenhum PAPA, como afirmam alguns segmentos Religiosos; O ANTICRISTO será um jovem destemido, vigoroso, eloqüente, convincente, imponente, dominador, culto, com cerca de 30 anos, como Alexandre, e não um Papa idoso nas condições de Salmos 90: 10;  Maiores detalhes estão nos Artigos relacionados anteriormente;

O RESULTADO  dessas Eleições no Brasil é um evidente SINAL  de que  a IRA de DEUS  se aproxima…

Quem ficar para o Período da Grande Tribulação verá!

Você…

 

……………………………………………. X ……………………………………….

“Este Artigo é de inspiração posterior à Publicação do Livro anunciado”

Os Artigos do Site complementam assuntos do Livro.

Na hipótese de ser importante, SUGIRO A INDICAÇÃO  do Artigo e o SITE.

Livro é importante na sua Biblioteca, adquira-o.

Saiba como, acessando “O LIVRO”,  no alto da  página inicial do Site.

Próximos Assuntos a serem incluídos no Site, paulatinamente:

– O ENIGMA DO NOVO CÉU E NOVA TERRA

– O PROFÉTICO E ENIGMÁTICO PERÍODO EDÊNICO

– ETC

OBS: Na hipótese de concordar que o Assunto é importante, copie o endereço do Site www.assuntospolemicosdabiblia.com imprima o máximo numa folha A4, corte em pedaços, e distribua, como instrumento de fazer a Obra do REINO DE DEUS.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

4 comentários para O ENIGMA DAS 2300 TARDES E MANHÃS

  • Maria Angélica  disse:

    Maravilhoso !!! Parabèns irmão Onir e muito obrigado por nos presentear com mais uma benção de Deus como essa….Paz do Senhor Jesus.

    • Onir Francisco Damas  disse:

      Satanás sabe que será destruído mas não consegue dominar os efeitos da contaminação que age em seu ser e desta forma fará exatamente como prediz as Escrituras em 2° Tes 2: 1 a 12 e Apocalipse, por comparação, com um viciado em drogas.(Transcrito do Livro Assuntos Polêmicos da Bíblia).

  • JOSAFÀ  disse:

    Oi, irmão Onir,
    Foi bom receber seu estudo, que me deu oportunidade de debruçar-me, mais uma vez, sobre os grandes mistérios proféticos da Palavra de Deus, à qual os Gideões dão credibilidade total. Chamou-me atenção o versículo de Nm 12:8, onde se lê “boca a boca falo com ele…”. Em geral, para enfatizarmos a presença pessoal, usamos a expressão “cara a cara”. Ademais, a boca fala ao ouvido e não a outra boca. Minha interpretação é que Deus falava com Moisés no mesmo nível em que Moisés partilhava Sua palavra ao povo, como se a boca de Moisés espelhasse a boca de Deus, ou como se o próprio Deus manifestasse Sua palavra através da boca do Seu grande servo. Que Deus continue a abençoá-lo nesta obra tão necessária quanto árdua, de interpretar a Palavra de Deus!
    Ultimamente tenho pensado que Deus pode controlar tudo quanto queira, mas não tem, atualmente, controle sobre tudo, como costumamos afirmar teologicamente. Não consigo entender como, neste mundo tão cheio dos mais absurdos pecados, afirmarmos que Deus detém o controle de tudo. Eu acho que Ele pode ter, pois nada lhe é impossível, mas não tem, devido ao próprio livre arbítrio do homem e devido ao fato de que os demônios, como os seres humanos, são agências livres. Se Deus tivesse controle total sobre tudo, não seriamos livres e, pior ainda, Deus seria culpado de toda a patifaria praticada no mundo. Mas tenho muitas dúvidas a respeito, uma vez que a Palavra afirma que “não cai um fio de cabelo da nossa cabeça sem o Seu conhecimento”. Seria um assunto bastante polêmico que não sei se figura em seu site. No livro, nada vi sobre o assunto. Na verdade, não me contento com o fato de que existe uma motivo para Deus permitir até crimes, como a morte da pequena Isabela nas mãos do seu próprio pai. Também não me atrai a explicação de que existe um propósito divino para tudo, mas nós não podemos discernir nada sobre isso, por causa da nossa limitação lógica. Creio que Deus é benigno e Sua benignidade dura para sempre. Eu estou com câncer na medula (segundo os médicos uma doença incurável, pois minha idade,73 anos, não permite transplante de medula). Eu oro sempre a Deus dizendo que o câncer é maligno e Ele é benigno. Logo, isso não pode vir dEle e peço firmemente Sua atuação para resolver o problema. Aproveito o ensejo para pedir a você, que é um homem de Deus, que interceda por mim para que eu me livre do mieloma múltiplo. Não consigo crer que, em seu projeto inicial, Deus me tenha posto sobre a terra para morrer de câncer. Meu pai dizia que “doença não escolhe crença”, mas eu ainda confio no poder e na misericórdia do meu Senhor. Eu oro diariamente por sua netinha. Espero que ela cresça e o mal desapareça. Muitas pessoas tiveram graves doenças na infância e hoje estão saudáveis. Você e os outros Gideões estão sempre presentes nas minhas preces a Deus. Nós estamos agora no Campo Rio Norte, sob presidência do Lenir Vitor. Deus o abençoe!

    • Onir Francisco Damas  disse:

      Prezado Josafá

      Obrigado pelo seu Comentário e pela coragem de seu Testemunho diante de uma situação patológica grave a ser enfrentada;

      Deixo para você as palavras de um empresário que sofria de um mal incurável e Deus o Curou; Ele escreveu um Livro que certamente você deve conhecer:

      “O QUE DEUS FEZ POR MIM, PODE FAZER POR VOCÊ TAMBÉM”

      Tenho Orado Sistematicamente pelos Gideões e Auxiliares, DIARIAMENTE, e agora por Você individualmente;

      Fique na Paz de Jesus.

      Onir

Comente

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>