Assuntos Polêmicos da Bíblia | O ENIGMA DA SEXTA, SÁBADO E DOMINGO
16242
post-template-default,single,single-post,postid-16242,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-16.7,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.7,vc_responsive
 

O ENIGMA DA SEXTA, SÁBADO E DOMINGO

O ENIGMA DA SEXTA, SÁBADO E DOMINGO

Compartilhe e Divulgue

 

INTRODUÇÃO

Estava assistindo um Estudo Bíblico pela Televisão em que um Pastor procurava mostrar que o Sábado é Religiosamente o Dia do Senhor conforme consta o Quarto Mandamento de Deus que Moisés recebeu no Monte Sinai;

Chamou-me à atenção o fato de que o Pastor não abordou amplamente o Assunto Teologicamente considerando que Adoração e Salvação Eterna passam pela PROMESSA de Deus de que em Abraão serão Benditas todas as Famílias da Terra;

Gênesis 12: 1 a 3

1 – Ora, disse o SENHOR a Abrão: Sai da tua terra, da tua parentela e da casa de teu pai e vai para a terra que te mostrarei

2 – de ti farei uma grande nação, e te abençoarei, e te engrandecerei o nome. Sê tu uma bênção!

3 – Abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; em ti serão benditas todas as famílias da terra.

Fiquei esperando que o Pastor abordasse o Assunto sobre a ótica da Teologia, considerando que o Reino de Deus aqui na Terra tem o Patriarca Abraão como o Ícone que dá sustentação às Bênçãos pela Adoração a Deus, em Exegese e Hermenêutica, religiosamente;

Abordar Assuntos do Velho Testamento sobre a ótica do Proselitismo tem sido o motivo de inúmeras interpretações equivocadas; 

PROSELITISMO E SUAS IMPLICAÇÕES

Lamentavelmente, como é de praxe, as Lideranças Religiosas ficam presas aos interesses do Sistema Religioso a que pertencem, porém,  devem refletir ao fazer Proselitismo, a fim de não prejudicar a Verdade Teológica;

Palavras de Jesus sobre o proselitismo religioso:

Mateus 23: 15

15 – Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas, porque rodeais o mar e a terra para fazer um prosélito; e, uma vez feito, o tornais filho do inferno duas vezes mais do que vós!

Preste atenção que da mesma forma como Jesus se referia a atitude daqueles que o rejeitaram conhecendo as Escrituras, assim também as Palavras de Jesus sobre proselitismo se aplica aos que hoje, conhecem as Escrituras e rejeitam a Verdade Teológica, ao fazerem proselitismo de conveniências;

Proselitismo Religioso = Esforço contínuo para converter alguém, fazendo com que essa pessoa pertença a determinada religião, seita, doutrina; catequese:

Quero deixar evidente que estou referindo-me ao Proselitismo Pernicioso e não ao Proselitismo Teológico esclarecedor que tem sido pregado para Salvação em Cristo Jesus;

Bem entendido: Pregar o Evangelho de Cristo, sem condenar o Judaísmo e Islamismo, mostrando a importância de cada um quanto ao aspecto da Salvação, como explicado no Artigo “O ENIGMA DO JUDAÍSMO, ISLAMISMO, CRISTIANISMO”, e “A SALVAÇÃO E A VIDA ETERNA”, no Site, deve ser a Homilética;

HOMILÉTICA é a ciência que ensina como preparar e pregar Sermões.

Na Exegese e Hermenêutica aplicada sobre a Salvação, Bênçãos, Adoração e Culto a Deus, tendo Abraão como Promessa e Aliança, os seus dois filhos – Ismael e Isaque – não podem ser ignorados, porque são citados literalmente por Deus no Seu Projeto do Reino de Deus aqui na Terra;

Precisa ficar entendido que toda a Teologia da Salvação tem que passar pelas Promessas de DEUS feita a Abraão, e que tem o Judaísmo, Islamismo, Cristianismo como as verdadeiras Religiões do Plano de Deus na Terra;

 

REFLEXÃO TEOLÓGICA

 Vou ousar mais uma vez e fazer uma REFLEXÃO sobre um dos mais POLÊMICOS ASSUNTOS TEOLÓGICOS do Reino de Deus do Planeta Terra;

Vou começar pelo Patriarca Abraão; todos os estudiosos da Bíblia conhecem a História de Abraão e para não estender esse Estudo reflexivo deixo para o Leitor a referência em Gênesis do Capítulo 12 até o Capítulo 25;  

Quem Abraão gerou primeiro?

Resposta: Ismael, filho da Escrava Egípcia Agar, por sugestão de sua esposa Sara, cujo Episódio é de amplo conhecimento dos estudiosos da Bíblia, conforme Gênesis 16: 1 a 16;

Apesar da desobediência de Abraão de que deveria esperar a Promessa do Primogênito através de Sara, Deus não desprezou o nascimento de ISMAEL e Prometeu fazer dele uma Grande Nação Teológica, como fez através do Profeta Maomé com a implantação do Islamismo que tem os Mulçumanos como membros ativos da Religião, tendo o Livro Alcorão como Regra de Fé e de Prática;

ISMAEL gerou 12 Filhos como Deus prometeu a Abraão em Gênesis 17: 20 da qual é constituída a Nação Árabe Ismaelita; Observe as referências a seguir:

Gênesis 17: 20

20 – Quanto a Ismael, eu te ouvi: abençoá-lo-ei, fá-lo-ei fecundo e o multiplicarei extraordinariamente; gerará doze príncipes, e dele farei uma grande nação.

grande nação” = Grande Nação Teológica = ISLAMISMO

Segundo a Enciclopédia de Bíblia Teologia e Filosofia – Volume 3 – Página 387 –  Editora Candeia – Subtítulo “ISMAELITAS” – “Maomé dizia-se descendente de Ismael. Visto que, historicamente falando, os Árabes têm sido cuidadosos sobre suas genealogias, a exemplo dos Judeus, é possível que a reivindicação dele fosse autêntica. Dando margem à miscigenação entre várias Tribos, especialmente com os Joctanitas e os Queturaítas, quase chega a ser correto chamarmos os Árabes de Ismaelitas”

Joctanitas e os Queturaítas = descendentes de Abraão com sua terceira esposa Quetura, conforme referência em Gênesis 25: 1 e 4; 1ª Crônicas 1: 32 e 33

Gênesis 25:1 e 4

1 – Desposou Abraão outra mulher; chamava-se Quetura.

4 – Os filhos de Midiã foram: Efá, Efer, Enoque, Abida e Elda. Todos estes foram filhos de Quetura.

1 Crônicas 1: 32 e 33

32 – Quanto aos filhos de Quetura, concubina de Abraão, esta deu à luz a Zinrã, a Jocsã, a Medã, a Midiã, a Isbaque e a Sua. Os filhos de Jocsã: Sabá e Dedã.

33 – Os filhos de Midiã: Efa, Éfer, Enoque, Abida e Elda; todos estes foram filhos de Quetura.

 

A ENIGMÁTICA SEXTA FEIRA

Os Mulçumanos Membros ativos do Islamismo têm o dia de SEXTA FEIRA como dia de Adoração a Deus:

62ª SURATA/ALCORÃO

9 – Ó fiéis, quando fordes convocados, para a Oração da Sexta-feira (1660), recorrei à recordação de Deus e abandonai os vossos negócios(1661); isso será preferível, se quereis saber.

10 – Porém, uma vez observada a oração, dispersai-vos pela terra e procurai as graças de Deus, e mencionai muito Deus, para que prospereis.

11 –  Porém, se quando se depararem com o comércio ou com a diversão, se dispersarem, correndo para ele e te deixarem a sós, dize-lhes: O que está relacionado com Deus é preferível à diversão e ao comércio, porque Deus é o melhor dos provedores.

Alcorão: http://www.ebooksbrasil.org/eLibris/alcorao.html

Fonte digital:

Centro Cultural Beneficente Árabe Islâmico de Foz do Iguaçu

 

O NASCIMENTO DE ISAQUE

Deus cumpriu Sua Promessa a Abraão e Sara deu a Luz a Isaque, que gerou a Jacó, que gerou 12 Filhos, que deram origem às 12 Tribos de Israel, de que hoje é constituída a Nação de Israel;

Este Artigo tem o propósito de abordar o POLÊMICO DIA DO SENHOR, como o Dia de Adoração;

Uma Nação precisa de Leis e Mandamentos e desta forma tudo foi providenciado a fim de que inicialmente em Abraão e sua posteridade ficasse estabelecido um Dia de Adoração conforme Deus falou em Gênesis 2: 1 a 3 a respeito do Enigmático SÉTIMO DIA;

Gênesis 2: 1 a 3

1 – Assim, pois, foram acabados os céus e a terra e todo o seu exército.

2 – E, havendo Deus terminado no dia sétimo a sua obra, que fizera, descansou nesse dia de toda a sua obra que tinha feito.

3 – E abençoou Deus o dia sétimo e o santificou; porque nele descansou de toda a obra que, como Criador, fizera.

Bem entendido: Os dias da Criação de Gênesis 1, 2 e 2 não são dias de tempo literais e sim Enigmáticos e indefinidos, e desta forma o Sétimo Dia também é enigmaticamente indefinido, Profético e  Enigmático como eu explico em detalhes no Artigo “O ENIGMA DO QUARTO DIA”, no Site; 

No Artigo “O DIA DO SENHOR”, postado no Site, eu abordo o porquê do Enigma do SÉTIMO DIA.  O SÉTIMO foi Profético e Enigmático, pois, no Período Edênico não havia ainda a contagem de TEMPO relacionado com o nome dos dias da Semana, que foi estabelecido posteriormente pelas primeiras Civilizações após a Queda de Adão; Esse detalhe eu abordo no Artigo “O DIA DO SENHOR”, no Site;

Precisa ficar entendido que Abraão recebeu a PROMESSA de Deus de que nele seriam benditas todas as Famílias da Terra, logo, o Dia do SENHOR precisa ser abordado de per si em cada uma das Religiões que tem Origem em Abraão, e não apenas por uma Religião ou denominação religiosa;

Interpretar a Bíblia literalmente tem siso o motivo de tantos equívocos;

O NASCIMENTO E MORTE DE JESUS

O nascimento de Jesus foi sobrenatural conforme a referência em Lucas 1: 35, bem como sua Morte e Ressurreição foi sobrenatural;

Jesus é da descendência de Abraão conforme o relato de Sua Genealogia na referência de Mateus 1: 1 a 17;

Preste atenção que o Cristianismo foi estabelecido por Jesus através de 12 Apóstolos todos da descendência de Abraão:

O Judaísmo foi estabelecido através das 12 Tribos de Israel, tendo Origem em Abraão;

O Islamismo foi estabelecido através dos 12 Filhos de Ismael, tendo Origem em Abraão;

O Cristianismo foi estabelecido através dos 12 Apóstolos de Jesus, tendo Origem em Abraão;

 

O ENIGMÁTICO DIA DE ADORAÇÃO

Por que o Islamismo tem a SEXTA FEIRA como o dia de Adoração a Deus?

Por que o Judaísmo, e algumas Denominações Religiosas POR OPÇÃO, têm o Sábado como o dia de Adoração a Deus?

Por que o Cristianismo tem o DOMINGO como o dia de Adoração a Deus?

Quem está certo?

Todos estão certos considerando o seguinte:

Preste atenção nas seguintes Palavras de Jesus:

Mateus 16: 19

19 – Dar-te-ei as chaves do reino dos céus; o que ligares na terra terá sido ligado nos céus; e o que desligares na terra terá sido desligado nos céus.

Teologicamente, Será ligado no Céu considerando não haver Heresia, bem entendido, em Exegese e Hermenêutica;

 

O ENIGMA DA SEXTA FEIRA, SÁBADO E DOMINGO

Qual o significado de Jesus ter morrido na Sexta Feira, ao que tudo indica, ter no Sábado ir Pregar aos espíritos em Prisão, conforme 1ª Pedro 3: 18 e 19,  e ter Ressuscitado na manhã de  Domingo?

1 Pedro 3:18 e 19

18 – Pois também Cristo morreu, uma única vez, pelos pecados, o justo pelos injustos, para conduzir-vos a Deus; morto, sim, na carne, mas vivificado no espírito,

19 – no qual também foi e pregou aos espíritos em prisão,

RESPOSTA:

1 – Eu somente encontro explicação Teológica no fato de que Ismael foi o Primogênito de Abraão e apesar da desobediência de Abraão, Deus incluiu Ismael no Seu Projeto do Reino do Céu aqui na Terra e POSTERIORMENTE inspirou o Profeta Maomé no estabelecimento do dia de SEXTA FEIRA como o Dia de Adoração dos Mulçumanos/Islamismo;

SEXTA FEIRA, enigmaticamente, marcou o Dia do Sacrifício Profético da Salvação e Promessa TEOLÓGICA que se reportou, misericordiamente, em Abraão, por isso, a Morte de Jesus nesse Dia, e consequentemente estabelecido por Inspiração do Espírito de Deus como Dia de adoração do ISLAMISMO, única explicação para que Jesus tenha morrido na Sexta Feira; foi como abrir um espaço Teológico para a Promessa de Deus para Ismael; 

 2 – Os Judeus, por meio do estabelecimento do Sábado como o Dia de Adoração, permaneceram fiéis a esse Dia;

3 – A História do Cristianismo, apesar das críticas Teológicas e Religiosas, de amplo conhecimento dos estudiosos do Assunto, resultou no estabelecimento do Domingo como o Dia de Adoração pelos Cristãos, por isso, Jesus ENIGMATICAMENTE Ressuscitou no Domingo  ( primeiro dia da semana):

Para REFLEXÃO a seguir sobre os primeiros Enigmáticos e Proféticos acontecimentos Teológicos do Cristianismo em relação ao Primeiro dia da Semana ( Domingo ):

Mateus 28: 1

1 – No findar do sábado, ao entrar o primeiro dia da semana, Maria Madalena e a outra Maria foram ver o sepulcro.

Marcos 16: 2 e 9

2 – E, muito cedo, no primeiro dia da semana, ao despontar do sol, foram ao túmulo.

9 – Havendo ele ressuscitado de manhã cedo no primeiro dia da semana, apareceu primeiro a Maria Madalena, da qual expelira sete demônios.

Lucas 24: 1

1 – Mas, no primeiro dia da semana, alta madrugada, foram elas ao túmulo, levando os aromas que haviam preparado.

João 20: 1 e 19

1 – No primeiro dia da semana, Maria Madalena foi ao sepulcro de madrugada, sendo ainda escuro, e viu que a pedra estava revolvida.

19 – Ao cair da tarde daquele dia, o primeiro da semana, trancadas as portas da casa onde estavam os discípulos com medo dos judeus, veio Jesus, pôs-se no meio e disse-lhes: Paz seja convosco!

Tem que haver uma explicação Teológica para que Jesus escolhesse o Domingo para se apresentar aos seus Discípulos, bem como, os demais acontecimentos após Sua Ressurreição, e essa explicação só pode estar na confirmação do Domingo como o DIA DE ADORAÇÃO dos Cristãos.

Atos 20: 7

7 – No primeiro dia da semana, estando nós reunidos com o fim de partir o pão, Paulo, que devia seguir viagem no dia imediato, exortava-os e prolongou o discurso até à meia-noite.

1 Coríntios 16: 2

2 – No primeiro dia da semana, cada um de vós ponha de parte, em casa, conforme a sua prosperidade, e vá juntando, para que se não façam coletas quando eu for.

No meu entendimento, Deus tem aprovado esses Três dias de Adoração pelas Três Religiões citadas, e ao que tudo indica, por Obra e Inspiração do Espírito Santo;

Detalhes aparentemente sem um motivo escondem Verdades enigmáticas que exigem Discernimento;

Presta atenção que são Três Dias sequenciais de Orações e Adoração, pelos Verdadeiros Fervorosos Fiéis ao mesmo e Único Deus, e não tenho dúvidas de que essas Orações e Adorações têm segurado a Ira de DEUS, apesar das Descaracterizações das três citadas Religiões, por força de interesses Pessoais, Políticos, conveniências heréticas, de Lideranças, de amplo conhecimento nos meios de Comunicações;

 

Foi Projeto de Deus a Morte de Jesus na Sexta Feira?

Tudo indica que foi Projeto Profético de Deus a Morte Sacrificial de Jesus na SEXTA FEIRA, para que Sua Promessa sobre Ismael ficasse caracterizada como Prova de uma Inclusão Teológica a respeito da desobediência de Abraão, tornando a SEXTA FEIRA como dia Profético de Adoração pelos descendentes de Ismael através da posterior Criação do Islamismo; bem entendido, tudo sob a Inspiração do Espírito Santo;

A Morte de Jesus na Sexta Feira e a escolha posterior do Islamismo como dia de Adoração a Deus não deixa espaço para outro motivo Misericordioso/Profético/Teológico – entendeu?!

Procurei na Bíblia a palavra Sexta Feira e não encontrei, desta forma não encontro outra explicação para o Enigma que envolve a morte de Jesus nesse dia, bem como o motivo de que o Islamismo tem esse Dia Enigmático de Adoração;

A Morte de Jesus na Sexta Feira aponta para o contexto Profético da Promessa de Deus para Ismael, confirmado com a Inspiração do Profeta Maomé na instituição do Islamismo como o  Dia de Adoração nesse Dia Sexta Feira.

Quanto ao Sábado e Domingo creio que as explicações anteriores são suficientes para que o Leitor entenda todo o Projeto de Deus sobre o POLÊMICO DIA DO SENHOR;

Precisa ficar entendido que Deus usa quem e o quê Ele quer no Seu Plano do Reino do Céu aqui na Terra;

Por exemplo, Ele usou Nabucodonosor o Caldeu, Ciro o Persa, Alexandre o Grande, Tito o Romano, Constantino o Romano, uma Mula, Noé, Abraão, Jacó, Moisés, Josué, Maomé, apenas como exemplos, no Lugar, no Espaço, no Tempo;

 

CONCLUSÃO

Este Assunto de amplo debate Teológico que tem gerado uma discussão prejudicial ao bom entendimento do Projeto de Deus para o Reino do Céu aqui na Terra, deve exigir do Leitor uma descauterização DOUTRINÁRIA, e entender que Deus fala por Enigmas, conforme Números 12: 8, e consequentemente que o Dia do Senhor não é exclusivo de um único dia e uma única Religião em Abraão; assim sendo:

SEXTA FEIRA = Dia da confirmação ENIGMÁTICA da Promessa de Deus a Abraão em ISMAEL;

SÁBADO = Dia da confirmação da Promessa de Deus a Abraão em ISAQUE;

DOMINGO = Dia da confirmação da Nova Aliança de Deus com a Ressurreição de Jesus, o Messias Prometido;

O Leitor deverá acessar o Artigo “O ENIGMA DO JUDAÍSMO, ISLAMISMO, CRISTIANISMO”, entre outros, no Site, a fim de entender com detalhes todo o contexto desse importante Assunto;

Quando a Bíblia diz que Jesus é o Caminho, a Verdade e a Vida, e ninguém vai ao Pai se não por Ele está dizendo que quem morre em Cristo não fica esperando o Juízo Final, isto é, vai para junto do Pai, esperando a Ressurreição, como eu explico no Artigo “A SALVAÇÃO E A VIDA ETERNA”, no Site;

A diferença do Cristianismo em relação ao Judaísmo e Islamismo está no fato de que Cristo é o Deus Encarnado que pelo Seu Sacrifício de Amor dá a oportunidade ao Homem de se redimir do Pecado Original sem precisar ir ao Juízo Final, como explicado nos Artigos “O ENIGMA DO JUDAÍSMO, ISLAMISMO, CRISTIANISMO” e “A SALVAÇÃO E A VIDA ETERNA”, no Site;

Importante ler o Artigo “O ENIGMA DO INFERNO”, no Site, bem como os Artigos indicados;

Repito, a Bíblia é um Livro Enigmático como Deus afirma na referência de Números 12: 8, e não pode simplesmente ser estudado apenas literalmente;    

Números 12: 8:

  1. 8 – Boca a boca falo com ele, claramente e não por enigmas; pois ele vê a forma do SENHOR; como, pois, não temestes falar contra o meu servo, contra Moisés?

O Assunto Teológico sobre o Dia do Senhor não pode ser Radicalizado apenas no Sábado; 

 

CONCLUSÃO FINAL

Este Artigo complementa o Artigo “O DIA DO SENHOR”, postado no Site;

Quanto ao Projeto de Deus relacionado com a SALVAÇÃO ETERNA, o Leitor deverá ler o Artigo no Site que trata do importante Assunto – “A SALVAÇÃO E A VIDA ETERNA”, antes, e depois de Cristo;

 O Artigo “A SALVAÇÃO E A VIDA ETERNA” mostra quem Herdará a Vida Eterna através do Juízo Final e quem Herdará a vida Eterna sem passar pelo Juízo Final, bem como, Os que perderão a Vida Eterna, confira… 

O Sábado Teológico está amplamente explicado pelas Escrituras Sagradas e se referem basicamente aos Judeus, isto é, aos que praticam o Judaísmo;

A Sexta Feira Teológica e o Domingo Teológico são Enigmáticos e contextualizam com a referência de Gênesis 2: 2 e 3 sobre o Sétimo Dia não especificado em Tempo de duração e Dias da Semana e necessitam um discernimento, como eu ousei discernir neste Artigo. 

Para terminar, espero que você que Adora a Deus no Sábado, após ler este Artigo, fique feliz por aqueles que verdadeiramente Adoram, TAMBÉM, na Sexta Feira e no Domingo.

O Objetivo deste Artigo é no sentido de uma Apologia Teológica, sem Proselitismo.

…………………………………………………….. X ……………………………………………………..

Próximos Assuntos a serem incluídos no Site, paulatinamente:

?

OBS: Na hipótese de concordar que o Assunto é importante, copie o endereço do Site www.assuntospolemicosdabiblia.com, imprima o máximo numa folha A4, corte em pedaços, e distribua, como instrumento de fazer a Obra do REINO DE DEUS.

Como acontece Festa no Céu sempre que um Pecador se arrepende (Lucas 15: 10), e se cada um dos meus Leitores, que entendem a importância do conteúdo do Site para a Obra do Reino de Deus, divulgar o Site em tempo e fora de tempo, certamente o Reino Celestial terá muitos motivos para comemorar os resultados dessa divulgação. 

 


Compartilhe e Divulgue
onir
contato@assuntospolemicosdabiblia.com
2 Comments
  • Arnaldo
    Posted at 10:36h, 20 fevereiro Responder

    muito bom hoje

  • Fausto
    Posted at 20:44h, 12 fevereiro Responder

    Excelente!

Post A Comment